Avaliação do delírio “a casa não é a casa” em pacientes com doença de alzheimer e sua correlação com estresse do cuidador

Avaliação do delírio “a casa não é a casa” em pacientes com doença de alzheimer e sua correlação com estresse do cuidador

Autor Lucena, Lara Carneiro de Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Bertolucci, Paulo Henrique Ferreira Bertolucci Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Neurologia - Neurociências
Resumo Objetivos: Determinar a prevalência do delírio ?a casa não é a casa? (DCNC) em pacientes com Doença de Alzheimer (DA), a sua influência sobre o estresse do cuidador, sua associação com a gravidade da demência e outros sintomas neuropsiquiátricos; sugerir uma teoria para o DCNC a partir da descrição feita pelo cuidador. Métodos: Cuidadores de pacientes com DA foram questionados quanto à presença de 9 tipos de delírios, incluindo o DCNC. Foi determinado se, neste caso, o paciente dizia para onde queria ir e o que faria neste local. Foram aplicados o Mini Exame do Estado Mental (MEEM) para o paciente, o Inventário Neuropsiquiátrico, escala de estresse do cuidador de Zarit, o índice de Katz e escala adaptada de Lawton para o cuidador. Resultados: Foram incluídos 101 pacientes, dos quais 29,7% apresentavam o DCNC, sendo ele o delírio mais prevalente; não houve impacto do mesmo sobre o estresse do cuidador. Os pacientes que apresentavam DCNC tinham menor pontuação no MEEM e índice de Katz , maior pontuação na escala adaptada de Lawton (p<0,001) e maior duração da demência (p = 0,028). O DCNC associou-se a demência grave (CDR=3), p <0,001; 80% dos pacientes com DCNC referiam-se a rotinas e pessoas do passado ou a sua antiga casa no momento do delírio. Conclusões: o DCNC foi o mais prevalente, ocorreu numa população com DA mais grave e parece estar relacionado a um contexto do passado. Ele não teve impacto sobre o estresse do cuidador.
Assunto delirium
alzheimer
home care
delírio
casa não é a casa
estresse do cuidador
Idioma Português
Data 2016-03-30
Publicado em LUCENA, Lara Carneiro de. Avaliação do delírio “a casa não é a casa” em pacientes com doença de alzheimer e sua correlação com estresse do cuidador. 2016. 54 f. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2016.
Linha de pesquisa Medicina
Área de concentração Ciências da saúde
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 54 p.
Fonte https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=3615258
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/46605

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)