Construção e validação de um instrumentode coleta de dados para avaliação clínica de pacientes em terapiaintensiva

Construção e validação de um instrumentode coleta de dados para avaliação clínica de pacientes em terapiaintensiva

Author Ferreira, Anali Martegani Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Barros, Alba Lucia Bottura Leite de Barros Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Enfermagem
Abstract The construction and development of specific data collection tools, structured and validated for different clinical practice environments, guide the data collection, promote identification and recording of complete data on patient care needs, and guide the other stages of the process of nursing. This study aimed to construct and validate a data collection tool sustained in the fields of NANDA-I to patients undergoing intensive care. It consisted of a descriptive exploratory study, developed in four phases. In the first phase there was a documentary research, retrospective, to identify the sociodemographic and clinical characteristics of patients, terms and expressions contained in the nursing notes in 256 medical records of patients hospitalized in the ICU of a hospital in the western border of Rio Grande do Sul, Brazil, from October / 2011 to April / 2012. There were identified 832 terms and expressions, which were grouped by similarity and association. In the second phase we used the mapping of words and expressions to the NANDA-I classification, identifying 52 different nursing diagnoses titles, with an average of 4.6 diagnoses per patient, mainly in the field safety / protection. Thirty-nine (75%) nursing diagnoses titles identified are real diagnoses and 13 (25%) of risk. Considering the areas, the most common diagnoses were: Acute pain (n = 146, 57.03%), Risk for infection (n = 121, 47.26%), Impaired gas exchange (n = 103, 40.23% ), Decreased cardiac output (n = 98, 38.43%), Acute confusion (n = 35, 13.67%), Deficient fluid volume (n = 26, 10.15%) and Anxiety (n = 22 , 8.59%). In the third phase these results were submitted to content validation by specialist nurses, through focus groups. There were included eight other unmapped diagnoses: ineffective health maintenance and ineffective health self-control, low situational self-esteem, powerlessness and failure feelings in adult's ability to improve, provision for improved religiosity, risk of falls and chronic pain. These results supported the construction of the nursing data collection tool held in the third phase of the study. The tool was structured following: identification data, medical history and physical examination. There followed the order of NANDA-I fields and classes. The areas were included: D1-Health promotion; D2-Nutrition; D3-Elimination and exchange; D4-Activity/rest; D5-Perception/cognition; D6-Self-perception; D7-Role relationships; D9- Coping/stress tolerance; D10- Life Principles; D11-Safety/protection; and D12-Comfort. Each domain was organized in classes and diagnostics. The fourth phase was the refinement of the instrument by consensus external specialists. At this phase there was included the nursing diagnosis Risk of aspiration. The project was approved by the Research Ethics Committee of the Federal University of São Paulo (UNIFESP) under Opinion No. 103 199. This study allowed to identify the clinical situations in which nursing can intervene and verify their equivalence with 52 nursing diagnoses titles of NANDA-I, enabling the construction and validation of a specific data collection instrument for patients undergoing intensive care, what will help in use of NANDA-I classification of diagnoses. The use of a standardized language contributes to strengthening the nursing professional identity in ICU, clarifying its domain in this context, as well as to unifying behaviors and ensuring positive health outcomes.

A construção e o desenvolvimento de instrumentos de coleta de dados específicos, estruturados e validados para diferentes ambientes da prática clínica, orientam a coleta de dados, favorecem identificação e registro de dados completos sobre necessidades de cuidado dos pacientes, e orientam as demais etapas do Processo de Enfermagem. Este estudo teve como objetivo construir e validar um instrumento de coleta de dados sustentado nos domínios da NANDA-I para pacientes em terapia intensiva. Constituiu-se em um estudo exploratório descritivo. Desenvolveu-se em quatro fases. Na primeira fase realizou-se uma pesquisa documental, retrospectiva, para identificação das características sociodemográficas e clínicas dos pacientes, termos e expressões contidos em anotações de enfermagem em 256 prontuários de pacientes hospitalizados na UTI de um hospital da fronteira oeste do RS, Brasil, do período de outubro/2011 a abril/2012. Identificaram-se 832 termos e expressões, os quais foram agrupados por similaridade e associação. Na segunda fase utilizou-se o mapeamento dos termos e expressões em relação à classificação da NANDA-I, identificando-se 52 diferentes títulos diagnósticos de enfermagem, com uma média de 4,6 diagnósticos por paciente, majoritariamente no domínio segurança/proteção. Trinta e nove (75%) títulos diagnósticos de enfermagem identificados são diagnósticos reais e 13 (25%), de risco. Considerando os domínios, os diagnósticos mais frequentes foram: Dor aguda (n=146, 57,03%), Risco de infecção (n=121, 47,26%), Troca de gases prejudicada (n=103, 40,23%), Débito cardíaco diminuído (n=98, 38,43%), Confusão Aguda (n=35, 13,67%), Volume de líquidos deficiente (n=26, 10,15%) e Ansiedade (n=22, 8,59%). Na terceira fase esses resultados foram submetidos à validação de conteúdo por enfermeiras especialistas, por meio de grupo focal, incluindo-se outros oito diagnósticos não mapeados, os quais foram: Manutenção ineficaz da saúde e Autocontrole ineficaz da saúde, Baixa autoestima situacional, Sentimento de impotência e Insuficiência na capacidade do adulto para melhorar, Disposição para religiosidade melhorada, Risco de quedas e Dor crônica. Estes resultados subsidiaram a construção do instrumento de coleta de dados de enfermagem realizada na terceira fase do estudo. O instrumento foi estruturado na sequência: dados de identificação, anamnese e exame físico. Seguiu-se a ordem dos domínios e classes da NANDA-I. Incluíram-se os domínios: D1-Promoção da saúde; D2-Nutrição; D3-Eliminação e troca; D4-Atividade/repouso; D5-percepção/cognição; D6-Autopercepção; D7-Papéis e relacionamento; D9-Enfrentamento/tolerância ao estresse; D10-Princípios da vida; D11-Segurança/proteção; e D12-Conforto. Cada domínio foi organizado em classes e diagnósticos. Na quarta fase ocorreu o refinamento do instrumento por meio de consenso de especialistas externas. Nesta fase foi incluído o diagnóstico de enfermagem Risco de aspiração. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) sob o Parecer nº 103.199. Este estudo permitiu identificar as situações clínicas passíveis de intervenções de enfermagem e verificar sua equivalência com 52 títulos diagnósticos de enfermagem da NANDA-I, possibilitando a construção e validação de um instrumento de coleta de dados específico para pacientes em terapia intensiva, o que auxiliará no emprego da classificação de diagnósticos da NANDA-I. A utilização de uma linguagem padronizada contribui para o fortalecimento da identidade profissional da enfermagem em UTI e esclarecimento de seu domínio nesse contexto, bem como para unificar condutas e garantir resultados positivos em saúde.
Keywords data collection
nursing diagnosis
nursing processes
intensive care units
coleta de dados
diagnóstico de enfermagem
processos de enfermagem
unidades de terapia intensiva
Language Portuguese
Date 2015-02-25
Published in FERREIRA, Anali Martegani. Construção e validação de um instrumentode coleta de dados para avaliação clínica de pacientes em terapiaintensiva. 2015. 227 f. Tese (Doutorado) - Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2015.
Research area Enfermagem
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 227 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=3114789
Access rights Closed access
Type Thesis
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/46598

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account