Contribuições da américa latina para a classificação internacional de doenças (cid-11): as síndromes transculturais nervios, susto e ataques de nervios!

Contribuições da américa latina para a classificação internacional de doenças (cid-11): as síndromes transculturais nervios, susto e ataques de nervios!

Author Nogueira, Bruno Antonio de Lima Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Razzouk, Denise Razzouk Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Psiquiatria e Psicologia Médica
Abstract Introduction:The World Health Organization has organized a task force in order to review the mental disorders chapter of the International Classification of Diseases (ICD-11). Since there are no biological markers for mental disorders, there is a prejudice in relation to diagnostic validity across cultures. In Latin America, the main culture-bound syndromes studied are Susto, Nervios and Ataques de Nervios. The evaluation of the contributions of Latin America on psychiatric diagnoses, particularly culture-bound syndromes, are significant to the preparation of a diagnostic manual with greater validity, which can be more integrated into local/cultural variables. ! ! Objective:To identify the Latin American studies on culture bound syndromes and extract potential empirical evidence that could contribute to the 11th revision of the International Classification of Diseases (ICD-11).! ! Methods: Search strategies were constructed in scientific electronic databases: Medline, EMBASE, LILACS, ISI and PsychINFO, in the period 1992-2008. Main inclusion criteria: studies on culture-bund syndromes conducted on populations residing in Latin America, Latin American articles on diagnostic classification and culture, where Latin America has been included. Main exclusion criteria: studies on Latin American migrants outside Latin America. The content analysis of the selected articles was done through script built on the proposed assessment of culture-bound syndromes by Guarnaccia, 1999: a) epidemiological and ethnographic data. b) Socio and demographic characterization of the affected. c) Identification of comorbidities with other psychiatric disorders among the affected.! ! Results:22 articles were selected, where Nervios, Susto and Ataques de Nervios were associated with stressful events generally identifiable, Nervios with chronic exposure to stress, Susto and Ataques de Nervios to acute exposures. The affected individuals had increased odds for depression, anxiety disorders, panic disorders and post-traumatic stress disorder and presented themselves in situations of greater psychosocial vulnerability. Understanding the cultural ways of dealing with stress and its link to clinic and psychiatric diseases was described as being able to extend the validity of the diagnosis and efficacy of treatments employed. Few Latin American countries were represented in the selection.! ! Conclusion:The articles analyzed in this review indicate that the culture-bound syndromes Nervios, Susto and Ataques de Nervios may be important idioms of distress of people from Central America, as they are linked to triggering stressors, circling socio-economically vulnerable populations, that are likely to have presented diagnoses such as depression, anxiety, panic disorders and post traumatic stress disorders before in their lives. The inclusion of the syndromes Susto, Nervios and Ataques de Nervios as local ways of coping with distress and its correlation with other psychiatric diagnoses may increase the validity of diagnostic classifications. Research is needed to cover more Latin American countries in cross-cultural understanding of local syndromes.

A Organização Mundial da Saúde organizou uma força tarefa a fim de fazer a revisão do capítulo de transtornos mentais da Classificação Internacional de Doenças (CID-11). Uma vez que não há marcadores biológicos para os transtornos mentais, existe um prejuízo importante em relação à validade diagnóstica entre diferentes culturas. Na América Latina, as principais síndromes transculturais estudadas são Susto, Nervios e Ataques de Nervios. A avaliação das contribuições da América Latina sobre diagnósticos psiquiátricos, em particular as síndromes transculturais, são significativas para a elaboração de um manual diagnóstico com maior validade, que possa estar mais integrado às variáveis locais/culturais.! Objetivo: Identificar os estudos latino-americanos sobre as síndromes transculturais e extrair potenciais evidências empíricas que possam contribuir para a 11ª revisão da Classificação Internacional de Doenças (CID-11).! Métodos: Foram construídas estratégias de busca nas bases eletrônicas de dados científicos: Medline, EMBASE, Lilacs, Psychoinfo e ISI, no período de 1992 a 2008. Principais critérios de inclusão: trabalhos sobre síndromes transculturais conduzidos sobre populações latino americanas residentes em países latino americanos e artigos sobre classificação diagnóstica e cultura em que a América Latina tenha sido incluída. Principais critérios de exclusão: estudos sobre migrantes latino americanos fora da América Latina. A análise do conteúdo dos artigos selecionados foi feita através de roteiro construído sobre a proposta de avaliação das síndromes transculturais de Guarnaccia, 1999: a) dados etnográficos e epidemiológicos. b) Caracterização socio-demográfica dos acometidos. c) Identificação de comorbidades com outros transtornos psiquiátricos entre os acometidos.! Resultados:Foram selecionados 22 artigos, onde as síndromes Nervios, Susto e Ataques de Nervios foram associadas a eventos estressores geralmente identificáveis, Nervios à exposição crônica e Susto e Ataques de Nervios a exposições agudas. Os indivíduos acometidos apresentaram chances aumentadas para depressão, ansiedade, transtornos de pânico e Transtornos de Estresse pós-traumático e apresentaram-se em situações de maior vulnerabilidade psicossocial. A compreensão das formas culturais de lidar com o estresse e sua ligação com doenças psiquiátricas e clinicas reconhecidas foi descrita como podendo ampliar a validade dos diagnósticos e eficácia dos tratamentos empregados. Poucos países da América Latina foram representados na seleção. ! Conclusão:Os artigos analisados nesta revisão indicam que as síndromes transculturais Nervios, Susto e Ataques de Nervios podem ser importantes idiomas de estresse das populações da América Central, estando ligadas a fatores estressores desencadeantes, circulando populações vulneráveis do ponto de vista sócioeconomico e com maiores chances de apresentar diagnósticos como depressão, ansiedade, transtornos de pânico e transtornos de estresse pós traumático. A inclusão das síndromes Susto, Nervios e Ataques de Nervios como formas locais de enfrentamento de estresse e sua correlação com outros diagnósticos psiquiátricos pode aumentar a validade das classificações diagnósticas. São necessários estudos que englobem mais países latino americanos na compreensão das síndromes transculturais locais.
Keywords cultural aspects
culture and health
aspectos culturais
competencia cultural
cultura em saude
fatores culturais / diagnostico
Language Portuguese
Date 2013-10-30
Published in NOGUEIRA, Bruno Antonio de Lima. Contribuições da américa latina para a classificação internacional de doenças (cid-11): as síndromes transculturais nervios, susto e ataques de nervios!. 2013. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2013.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=667341
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/46585

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account