Desenvolvimento e validação da escala copas - chronic obstructive pulmonary disease activity scale em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (dpoc) no Brasil

Desenvolvimento e validação da escala copas - chronic obstructive pulmonary disease activity scale em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (dpoc) no Brasil

Author Gomes, Luiza Gabriela Pessoa de Carvalho Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Nascimento, Oliver Augusto Nascimento Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Medicina (Pneumologia)
Abstract Introduction: Chronic obstructive pulmonary disease (COPD) is a preventable and treatable disease, which is characterized by persistent obstruction of airflow and is usually progressive and associated with a chronic inflammatory response of the lungs to noxious particles or gases. Although COPD affects the lungs, it also produces significant systemic consequences, including physical limitation. Objective: To develop a scale of physical activity, to assess its reproducibility and validate this instrument by comparing it to the test of six-minute walk and the results of the pedometer. Materials and Methods: The study included patients who did not undergo pulmonary rehabilitation in the past two years and who were treated as outpatients with COPD Pulmonary Rehabilitation Center of Pulmonology UNIFESP. Pulmonary function test, walk test six minutes and applied questionnaires on quality of life, anxiety and depression and physical activity was performed. The proposed scale of physical activity in this study - Chronic Obstructive Pulmonary Disease Activity Scale - COPAS was compared with objective measures of physical activity. The scale score was divided into three domains, resulting in a total score. Results: Through factor analysis it was observed that 13 of the 27 questions, had affinities between them and determined linear score 0-76 points. The COPAS showed good test-retest reproducibility in relation (with a variation of r: 0.78 to 0.94 ). Also showed a weak correlation with 6MWT (r= 0.28 ) , number of steps (r= 0.36 ) and moderate correlation with IPAQ (r: 0.44 ). The overall average steps per day was 7.290 ± 4.341, with women walking 8,099 ± 4,868 and 6,742 ± 3,890 men steps. Conclusion: The COPAS is reproducible and correlated with 6MWT and the number of steps by pedometer reviews.

Introdução: A doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) é uma enfermidade previnível e tratável, que se caracteriza pela obstrução persistente do fluxo de ar, sendo, geralmente, progressiva e associada a uma resposta inflamatória crônica dos pulmões a partículas ou gases nocivos. Embora a DPOC afete os pulmões ela também produz consequências sistêmicas significantes, incluindo limitação física. Objetivo: Desenvolver uma escala de atividade física, avaliar sua reprodutibilidade e validar este instrumento comparando-o com o teste da caminhada de seis minutos e com os resultados do pedômetro. Materiais e Métodos: Participaram deste estudo pacientes com DPOC que não realizaram reabilitação pulmonar nos últimos dois anos, e que estavam sendo acompanhados no ambulatório de DPOC do Centro de Reabilitação Pulmonar da Disciplina de Pneumologia da Unifesp. Foi realizado prova de função pulmonar, teste da caminhada de seis minutos e aplicados questionários de qualidade de vida, ansiedade e depressão e de atividade física. A escala de atividade física proposta neste estudo - Chronic Obstructive Pulmonary Disease Activity Scale - COPAS foi comparada com as medidas objetivas de avaliação da atividade física. A pontuação da escala foi dividida em três domínios (Trabalho, At. Doméstica e At. Física), resultando em uma pontuação total. Resultados: Por meio da análise fatorial foi possível observar que 13, das 27 questões, tiveram afinidades entre elas, sendo determinada pontuação linear de 0 a 76 pontos. A COPAS apresentou boa reprodutibilidade em relação teste-reteste (com variação de r: 0,78 ? 0,94). Também apresentou correlação fraca com TC6? (r: 0,28), número de passos (r: 0,36) e correlação moderada com IPAQ (r: 0,44). A média geral dos passos por dia foi de 7.290 ± 4.341, com as mulheres caminhando 8.099 ± 4.868 e os homens 6.742 ± 3.890 passos. Conclusão: A COPAS é reprodutível e teve correlação com TC6? e com o número de passos avaliados pelo pedômetro.
Keywords chronic obstructive pulmonary disease
physical activity
questionnaire
doença pulmonar obstrutiva crônica
atividade física
questionário
Language Portuguese
Date 2014-03-31
Published in GOMES, Luiza Gabriela Pessoa de Carvalho. Desenvolvimento e validação da escala copas - chronic obstructive pulmonary disease activity scale em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (dpoc) no Brasil. 2014. 83 f. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2014.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 83 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=1976147
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/46485

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account