Follow-up de crianças diagnosticadas com tdah e tratamento medicamentoso

Follow-up de crianças diagnosticadas com tdah e tratamento medicamentoso

Author Muzzi, Maria do Carmo Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Muszkat, Mauro Muszkat Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Educação e Saúde na Infância e Adolescência
Abstract Attention Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD) is one of the most common disorders in childhood and adolescence. It is characterized by a persistent pattern of inattention and / or hyperactivity / impulsivity. The precise causes of ADHD are still unknown, despite the large number of previous studies. The influence of genetic and environmental factors in their development is widely accepted in the literature. The symptoms of inattention, hyperactivity and impulsivity, consequently bring a great impact on academic development, as well as in the neurodevelopmental and psychosocial interaction areas. Also it reflects consistently in adaptive functioning and emotional self-regulation. The therapeutic intervention of ADHD involves a multimodal approach, including psychosocial and pharmacological interventions. The literature shows stimulants as first-choice medications, including methylphenidate, showing efficacy. Treatment with stimulants for ADHD leads to an improvement of symptoms throughout the day. The clinical goal of treatment is not limited only to improve the symptoms, but also to promote optimal functionality in emotional, behavioral, academic and social domains. The aim of this study was to seek correlations between results related to cognition, emotion and behavior in a sample of children and adolescents diagnosed with ADHD. We used for this purpose a few instruments including the Continuous Performance Test (CPT), computerized visual task. In addition, questionnaires completed by parents and school that contained behavioral and emotional information were employed. These procedures were performed before and after use of the medicine methylphenidate. The total sample for this study consisted of 12 male children and 1 female, aged between 6 and 14 years. After assessment, they received medicine treatment with methylphenidate, and after a period of 6 months were subjected to reassessment. After reassessment, the results indicated that there was a reduction in mean and median for all domains, only the index related to depression did not show a statistically significant difference. The data obtained from these results indicate a reduction of clinical, cognitive, emotional and behavioral symptomatology whose indices obtained effect size of large magnitude.

O Transtorno do Déficit de Atenção e hiperatividade (TDAH) é um dos transtornos mais comuns na infância e adolescência. É caracterizado por um padrão persistente de desatenção e/ou hiperatividade/impulsividade. As causas precisas do TDA/H ainda são desconhecidas, apesar do grande número de estudos já realizados. A influência de fatores genéticos e ambientais no seu desenvolvimento é amplamente aceita na literatura. Os sintomas de desatenção, hiperatividade e a impulsividade, trazem consequentemente um grande impacto no desenvolvimento acadêmico, assim como nas áreas do neurodesenvolvimento e convívio psicossocial. Além disso reflete de forma consistente no seu funcionamento adaptativo e autorregulação emocional. A intervenção terapêutica do TDAH envolve uma abordagem multimodal, englobando intervenções psicossociais e medicamentosa. A literatura mostra os estimulantes como as medicações de primeira escolha, entre eles o metilfenidato, mostrando assim eficácia no tratamento. O tratamento com estimulantes para o TDAH leva a uma melhora dos sintomas ao longo do dia. O objetivo clínico do tratamento não se resume somente em melhorar os sintomas, mas também promover a funcionalidade ideal nos domínios emocionais, comportamentais, acadêmicos e sociais. O objetivo desse estudo foi buscar correlações entre resultados relacionados à cognição, comportamento e emoção, em uma amostra de crianças e adolescentes diagnosticadas com TDAH. Utilizou-se para isso alguns instrumentos, incluindo o Continuous Performance Test (CPT), tarefa de atenção visual computadorizada. Além disso, foram empregados questionários respondidos pelos pais e escola, que continham informações comportamentais e emocionais. Tais procedimentos foram realizados antes e depois do uso do medicamento metilfenidato. A amostra total desse estudo foi composta por 12 crianças do sexo masculino e 1 do sexo feminino, com idade entre 6 e 14 anos. Após avaliação neuropsicológica inicial, receberam tratamento medicamentoso com metilfenidato, e após um período de 6 meses foram submetidos a uma reavaliação. Após a reavaliação, os resultados indicaram que houve uma redução das médias e medianas para todos os domínios, somente o índice relacionado à depressão não apresentou uma diferença estatisticamente significante. Os dados obtidos nesses resultados indicam uma redução de sintomatologia clínica, cognitiva, emocional e comportamental cujos índices obtiveram tamanho de efeito de grande magnitude.
Keywords adhd
methylphenidate
cognitive aspects
behavioral
emotional
tdah
metilfenidato
aspectos cognitivos
comportamentais
emocionais
Language Portuguese
Date 2014-09-24
Published in MUZZI, Maria do Carmo. Follow-up de crianças diagnosticadas com tdah e tratamento medicamentoso. 2014. 83 f. Dissertação (Mestrado) - Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Guarulhos, 2014.
Research area Ensino
Knowledge area Multidisciplinar
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 83 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=1309221
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/46148

Show full item record




File

Name: MARIA DO CARMO MUZZI.pdf
Size: 772.6Kb
Format: PDF
Description:
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account