Avaliação microscópica e ultra-estrutural do endotélio de veia safena preparada pela técnica no touch

Avaliação microscópica e ultra-estrutural do endotélio de veia safena preparada pela técnica no touch

Título alternativo Microscopic and ultrastructural evaluation of the saphenous vein endothelium for CABG prepared by the no touch technique
Autor Silva, Virgílio Figueiredo Autor UNIFESP Google Scholar
Ishigai, Márcia Marcelino de Souza Autor UNIFESP Google Scholar
Freymüller-Haapalainen, Edna Autor UNIFESP Google Scholar
Branco, João Nelson Rodrigues Autor UNIFESP Google Scholar
Gaia, Diego Felipe Autor UNIFESP Google Scholar
Gabriel, Edmo Atique Autor UNIFESP Google Scholar
Romão, Renata Aparecida Leonel Autor UNIFESP Google Scholar
Buffolo, Enio Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: Saphenous vein grafts (SV) used in coronary artery bypass grafting have a limited life and vein occlusion may be the final adverse effect. Efforts to develop new techniques to harvest the saphenous vein may improve the viability of the graft. METHODS: Twenty patients were randomly divided into two groups with the objective of evaluating the vascular endothelium. The No Touch (NT) technique consists in removing the saphenous vein with perivascular tissue. The conventional technique consists in harvesting with in situ removal of the perivascular tissue. The standard saphenous vein harvesting procedure used bridged incisions. Characteristics of the vein were considered. Evaluation of the endothelium was achieved by electron microscopy and histologic analysis using hematoxylin eosin staining. The Picrosirius and Masson Trichrome methods were used to analyze subendothelial collagen. RESULTS: Electron microscopy demonstrated that the NT Group had larger non-denudated endothelial areas as well as a smaller number of degraded cells. Histological analysis showed the form and integrity of the saphenous vein layers. A larger amount of collagen fibers were identified in the NT Group. CONCLUSIONS: The NT technique better preserves the saphenous vein endothelium suggesting a more viable graft in the long term.

OBJETIVO: O enxerto de veia safena (VS) utilizado em revascularização miocárdica possui uma vida útil, sendo o estágio final a oclusão do vaso. Esforços em adquirir novas técnicas de coleta da VS podem possibilitar uma viabilidade maior do enxerto. MÉTODOS: Vinte pacientes foram randomizados e divididos em dois grupos com o objetivo de avaliação do endotélio vascular. A técnica no touch (NT) consiste em retirar o segmento de VS com o tecido perivascular. A técnica convencional consiste em retirar a VS, com remoção in situ do tecido perivascular e conseqüente vasoespasmo. Houve um padrão de retirada das VS com incisões longitudinais escalonadas. Características da VS foram consideradas. A avaliação do endotélio das VS foi realizada usando microscópio eletrônico (ME) pelo método de varredura e de transmissão. Cortes histológicos das VS foram corados em Hematoxilina-Eosina (HE). O colágeno subendotelial foi analisado pelos métodos de Picro-Sirius e Tricrômio de Masson. RESULTADOS: A ME evidenciou que o Grupo NT possui maiores áreas endoteliais não desnudadas, além de um menor número de células degradadas. A coloração em HE nos permitiu verificar a forma e a integridade das camadas das VS. Há um predomínio maior de fibras colágenas coradas no Grupo NT. CONCLUSÕES: A técnica NT permite uma melhor preservação endotelial da VS, sugerindo um enxerto mais viável em longo prazo.
Palavra-chave Saphenous vein
Myocardial revascularization
Endothelium, vascular
Coronary artery bypass
Veia safena
Revascularização miocárdica
Endotélio vascular
Ponte de artéria coronária
Idioma Português
Data de publicação 2008-09-01
Publicado em Revista Brasileira de Cirurgia Cardiovascular. Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular, v. 23, n. 3, p. 323-329, 2008.
ISSN 0102-7638 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular
Extensão 323-329
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0102-76382008000300007
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000265694700007
SciELO S0102-76382008000300007 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4553

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0102-76382008000300007.pdf
Tamanho: 257.5KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta