Tradução, adaptação cultural e validação do American Orthopaedic Foot and Ankle Society (AOFAS) Ankle-Hindfoot Scale

Tradução, adaptação cultural e validação do American Orthopaedic Foot and Ankle Society (AOFAS) Ankle-Hindfoot Scale

Título alternativo Translation, cultural adaptation and validity of the American Orthopaedic Foot and Ankle Society (AOFAS) Ankle-Hindfoot Scale
Autor Rodrigues, Reynaldo Costa Autor UNIFESP Google Scholar
Masiero, Danilo Autor UNIFESP Google Scholar
Mizusaki, Jorge Mitsuo Autor UNIFESP Google Scholar
Imoto, Aline Mizusaki Autor UNIFESP Google Scholar
Peccin, Maria Stella Autor UNIFESP Google Scholar
Cohen, Moises Autor UNIFESP Google Scholar
Alloza, José Felipe Marion Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo BACKGROUND: The use of outcome assessment scales in scientific studies is necessary so that different treatment forms can be compared among individuals with the same diagnosis. This study targeted the translation, cultural adaptation and validation of AOFAS Ankle-Hindfoot scale into Portuguese language. METHODS: The scale was applied to 50 patients with ankle-hindfoot joint conditions, twice by the interviewer # 1 and once by the interviewer # 2. The patients were also assessed by using the SF-36 quality-of-life generic questionnaire and the visual analogue scale (VAS). RESULTS: The Pearson Correlation Coefficient (PCC) and the Intra-Class Correlation Coefficient (ICC) were 0.93 (p<0.001) and 0.96, respectively, for intra-observer reliability and 0.92 (p<0.001) and 0.95, respectively, for inter-observer reliability. The functional capacity and pain components (SF-36) presented the highest correlations (0.67 and 0.64; p<0.001, respectively) at the AOFAS Ankle-hindfoot scale. The PCC between VAS and AOFAS Ankle-Hindfoot scale was inversely proportional (- 0,68; p<0,001). CONCLUSIONS: We conclude that the version of AOFAS Ankle-Hindfoot scale for the Portuguese Language was successfully translated and cultural adapted for application to Brazilian patients, with satisfactory reliability and construct validity.

INTRODUÇÃO: A utilização em estudos científicos de escalas de avaliação de resultados são necessárias para que diferentes formas de tratamento possam ser comparadas em indivíduos com o mesmo diagnóstico. O objetivo do estudo foi realizar a tradução, adaptação cultural e validação da AOFAS Ankle-Hindfoot Scale para Língua Portuguesa. MÉTODOS: A escala foi administrada em 50 pacientes com problemas na articulação do tornozelo e retropé, duas vezes pelo entrevistador n° 1 e uma vez pelo entrevistador nº 2. Os pacientes foram também avaliados com o questionário genérico de qualidade de vida SF-36 e escala visual analógica da dor (EVA). RESULTADOS: O coeficiente de correlação de Pearson (CCP) e o coeficiente de correlação intra-classe (CCI) foram 0,93 (P<0,001) e 0,96, respectivamente, para reprodutibilidade intra-observador e 0,92 (P<0,001) e 0,95, respectivamente, para reprodutibilidade interobservador. Os componentes capacidade funcional e dor (SF-36) apresentaram as maiores correlações (0,67 e 0,64; P<0,001, respectivamente) com a AOFAS Ankle-Hindfoot Scale. O CCP entre a EVA e a AOFAS Ankle-Hindfoot Scale foi inversamente proporcional (- 0,68 P<0,001). CONCLUSÕES: Concluímos que a tradução e adaptação cultural da versão da AOFAS Ankle-Hindfoot Scale para Língua Portuguesa foi satisfatória para aplicação em pacientes brasileiros, apresentando boa reprodutibilidade e validade construtiva.
Palavra-chave Questionnaires
Translations
Ankle injuries
Questionário
Tradução
Traumatismos do tornozelo
Idioma Português
Data de publicação 2008-01-01
Publicado em Acta Ortopédica Brasileira. Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, v. 16, n. 2, p. 107-111, 2008.
ISSN 1413-7852 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia
Extensão 107-111
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1413-78522008000200009
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000269373000008
SciELO S1413-78522008000200009 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4172

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1413-78522008000200009-en.pdf
Tamanho: 193.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo
Nome: S1413-78522008000200009-pt.pdf
Tamanho: 146.0KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta