Trauma na infância e adolescência: epidemiologia, tratamento e aspectos econômicos em um hospital público

Trauma na infância e adolescência: epidemiologia, tratamento e aspectos econômicos em um hospital público

Título alternativo Epidemiology, treatment and economical aspects of multiple trauma in children and adolescents in a public hospital
Autor Franciozi, Carlos Eduardo da Silveira Autor UNIFESP Google Scholar
Tamaoki, Marcel Jun Sugawara Autor UNIFESP Google Scholar
Araújo, Eduardo Fiorentino Alves de Autor UNIFESP Google Scholar
Dobashi, Eiffel Tsuyoshi Autor UNIFESP Google Scholar
Utumi, Carlos Eduardo Autor UNIFESP Google Scholar
Pinto, Jose Antonio Autor UNIFESP Google Scholar
Ishida, Akira Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo INTRODUCTION: the motivation to conduct this study was the reduced number of articles in literature correlating multiple trauma in childhood and infancy. The objective here was to describe the epidemiological profile of traumatic injuries treated in a trauma center, evaluating the economic aspects associated with hospitalized patients' costs and the period of hospital stay according to the treatment provided. MATERIAL AND METHODS: we assessed all Pirajussara Hospital patients' files in the period of December of 2005 to December 2006. We selected 182 patients, 129 (71%) males and 53 (29%) females; 88 (48%) Caucasian and 94 (52%) non-Caucasian children. RESULTS: male patients were prevalent, with 129 (71%) cases. The most frequent trauma mechanism was fall (36%) and the primary diagnose was humeral supracondylar fracture (20,9%) and 47 (25,82%) associated lesions. The mean hospitalization time was 4.1 days with an estimated cost of R$ 649.50 for each patient. The most expensive and the longest periods of hospital therapy were associated to skull trauma and femoral fracture; the economic impact increased when associated lesions were present. The mortality rate was 2.74% with 5 deaths, with skull trauma being accounted for 80% of the deaths, while child abuse accounts for 40%. CONCLUSION: the pediatric population exhibits particular characteristics that make it unique concerning trauma injuries' epidemiology and handling.

INTRODUÇÃO: A realização deste trabalho foi motivada pela escassez de artigos encontrados na literatura que estudam o politrauma na infância e na adolescência.. O objetivo é descrever o perfil epidemiológico das lesões traumáticas na infância tratadas num centro de trauma, avaliar os aspectos econômicos relacionados com o gasto hospitalar e o tempo de internação de acordo com o tratamento realizado. MATERIAIS E MÉTODOS: analisamos todos os prontuários do hospital Geral de Pirajussara no período de dezembro de 2005 a dezembro de 2006. Obtivemos 182 pacientes, sendo 71% do sexo masculino e 29% do feminino; 48% brancos e 52% não brancos. RESULTADOS: houve predominância dos indivíduos do sexo masculino com 71% dos pacientes. O mecanismo de trauma mais freqüente foi a queda (36%). A média de dias de internação foi 4,1 dias, com gasto estimado de R$ 649,50 para cada paciente. A taxa de mortalidade foi de 2,74%, sendo o traumatismo crânio-encefálico responsável por 80% da mortalidade e os maus tratos presentes em 40% dos óbitos. CONCLUSÃO: a população pediátrica tem particularidades que a tornam distinta da população adulta em relação à epidemiologia e manejo das lesões.
Palavra-chave Trauma
Infant
Child
preschool
Child adolescent
Accidental falls
Bone fractures
Trauma
Lactente
Pré-escolar
Criança
Adolescente
Acidentes por quedas
Fraturas ósseas
Idioma Português
Data de publicação 2008-01-01
Publicado em Acta Ortopédica Brasileira. Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, v. 16, n. 5, p. 261-265, 2008.
ISSN 1413-7852 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia
Extensão 261-265
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1413-78522008000500001
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1413-78522008000500001 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4128

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1413-78522008000500001.pdf
Tamanho: 164.0KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta