Os baixos níveis de potência aeróbia máxima prejudicam o perfil do estado de humor em indivíduos com epilepsia do lobo temporal

Os baixos níveis de potência aeróbia máxima prejudicam o perfil do estado de humor em indivíduos com epilepsia do lobo temporal

Título alternativo Low levels of maximal aerobic power impair the profile of mood state in individuals with temporal lobe epilepsy
Autor Vancini, Rodrigo Luiz Autor UNIFESP Google Scholar
Lira, Claudio Andre Barbosa de Autor UNIFESP Google Scholar
Andrade, Marília dos Santos Autor UNIFESP Google Scholar
Lima, Cristiano de Autor UNIFESP Google Scholar
Arida, Ricardo Mario Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Investigar a correlação entre aptidão cardiorrespiratória e variáveis de estado de humor em indivíduos com epilepsia do lobo temporal (ELT). Método: Indivíduos com ELT (n = 20) e controles saudáveis (C, n = 20) foram avaliados. Administraram-se questionários para avaliar o estado de humor (POMS) e nível de atividade física habitual (BAECKE). Avaliou-se a aptidão cardiorrespiratória por teste incremental máximo. Resultados: Pessoas com ELT apresentaram menor aptidão cardiorrespiratória; elevados níveis de transtornos do humor; e menor nível de vigor, quando comparadas ao grupo C. Observou-se correlação negativa significativa entre os níveis de tensão-ansiedade e a potência aeróbica máxima. Conclusão: O baixo nível de aptidão cardiorrespiratória pode modificar o estado de saúde de indivíduos com ELT e pode ser considerado fator de risco para o desenvolvimento de transtornos de humor.

Objective: To investigate the correlation between cardiorespiratory fitness and mood state in individuals with temporal lobe epilepsy (TLE). Method: Individuals with TLE (n = 20) and healthy control subjects (C, n = 20) were evaluated. Self-rating questionnaires were used to assess mood (POMS) and habitual physical activity (BAECKE). Cardiorespiratory fitness was evaluated by a maximal incremental test. Results: People with TLE presented lower cardiorespiratory fitness; higher levels of mood disorders; and lower levels of vigor when compared to control health subjects. A significant negative correlation was observed between the levels of tension-anxiety and maximal aerobic power. Conclusion: Low levels of cardiorespiratory fitness may modify the health status of individuals with TLE and it may be considered a risk factor for the development of mood disorders.
Palavra-chave Epilepsia
Perfil do estado de humor
POMS
Atividade física
Exercício
Aptidão cardiorrespiratória
Epilepsy
Profile of mood state
POMS
Physical activity
Exercise
Cardiorespiratory fitness
Idioma Português
Financiador Centro Nacional de Física de Partículas, Astropartículas y Nuclear (CPAN)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Data de publicação 2015-01
Publicado em VANCINI, Rodrigo Luiz et al . Low levels of maximal aerobic power impair the profile of mood state in individuals with temporal lobe epilepsy. Arq. Neuro-Psiquiatr., São Paulo , v. 73, n. 1, p. 7-11, Jan. 2015 . Available from <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X2015000100007&lng=en&nrm=iso>. access on 07 Oct. 2016. http://dx.doi.org/10.1590/0004-282X20140188.
ISSN 0004-282X (Sherpa/Romeo)
Publicador Academia Brasileira de Neurologia - ABNEURO
Fonte http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X2015000100007&lng=en&nrm=iso&tlng=en
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/41259

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-41259.pdf
Tamanho: 89.61KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta