Mapa conceitual: ensaiando critérios de análise

Mapa conceitual: ensaiando critérios de análise

Título alternativo Concept map: testing analytical criteria
Autor Ruiz-Moreno, Lidia Autor UNIFESP Google Scholar
Sonzogno, Maria Cecília Autor UNIFESP Google Scholar
Batista, Sylvia Helena Souza da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Batista, Nildo Alves Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Concept maps are an important instrument for following-up learning processes, and demand the comprehension of their construction methods. The purpose of this study is to present and discuss conceptual maps and their analysis criteria elaborated by students enrolled in the Master Program Teaching in Health Sciences. The selection of analysis criteria were:the quantity and quality of concepts, levels of hierarchy, number of interrelations, words of connection and propositions which express logical meaning, structure of the map: sequential or network, representativeness of contents and creativity. Data were systematized regarding quantitative and qualitative dimensions. Hierarchical structures of rich conceptual meaning and representativeness of the analyzed themes were identified. It was concluded that the construction processes led the students to establish relationships between new contents and their previous knowledge thus creating new possibilities of integration. The analysis was effective as an instrument for the teacher in the health area to develop evaluative practices engaged in the student's learning processes.

Os Mapas Conceituais constituem importante instrumento para acompanhar a aprendizagem, demandando compreender os processos de construção. Este trabalho se propõe a apresentar e discutir critérios de análise de mapas conceituais elaborados por pós-graduandos do Mestrado Ensino em Ciências da Saúde. Os critérios de análise foram: quantidade e qualidade de conceitos, níveis de hierarquia, número de inter-relações, palavras de enlace e proposições com significado lógico, estrutura do mapa, representatividade dos conteúdos e criatividade. Identificaram-se estruturas hierárquicas de significativa riqueza conceitual e representatividade dos temas trabalhados. Acredita-se que o processo de construção levou aos alunos a estabelecerem relações entre os novos conteúdos e seus conhecimentos prévios, criando maiores possibilidades de integração. A análise empreendida mostrou-se valiosa como uma ferramenta de trabalho para o professor da área da saúde, para desenvolver práticas avaliativas comprometidas em apreender os processos de aprendizagem dos alunos.
Palavra-chave Concept map
Learning evaluation
Teaching in health sciences
Mapa conceitual
Avaliação da aprendizagem
Ensino em ciências da saúde
Idioma Português
Data de publicação 2007-12-01
Publicado em Ciência & Educação (Bauru). Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências, campus de Bauru., v. 13, n. 3, p. 453-463, 2007.
ISSN 1516-7313 (Sherpa/Romeo)
Publicador Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências, campus de Bauru.
Extensão 453-463
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1516-73132007000300012
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1516-73132007000300012 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4073

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1516-73132007000300012.pdf
Tamanho: 151.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta