A efetividade do treinamento auditivo formal em idosos usuários de próteses auditivas no período de aclimatização

A efetividade do treinamento auditivo formal em idosos usuários de próteses auditivas no período de aclimatização

Título alternativo Formal auditory training efficiency in elderly during the acclimatization period
Autor Miranda, Elisiane de Crestani Autor UNIFESP Google Scholar
Andrade, Adriana Neves de Autor UNIFESP Google Scholar
Gil, Daniela Autor UNIFESP Google Scholar
Iorio, Maria Cecilia Martinelli Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: To investigate the efficiency of a formal auditory training program in hearing aid wearers during the acclimatization period. METHODS: Eighteen subjects (mean age of 71.38 years old), male and female, binaural intra-aural hearing aid users for one week participated in the study. Experimental (with auditory training) and Control (without training) groups were formed randomly. Subjects in the experimental group have undergone a formal auditory training program organized in seven 50-minute sessions, once a week. Evaluation procedures included speech recognition tests and a self-assessment questionnaire. These procedures were carried out before (1st evaluation) and after (2nd evaluation) the training for the Experimental Group and in the Initial and Final evaluation for the Control Group. RESULTS: In the experimental group, both the word recognition score (WRS) and the speech in noise test showed significantly improved results after the training (2nd evaluation). In the study of signal-to-noise ratio for sentence recognition in noise, there was a slight tendency (p-value near 0,05) of improvement in the evaluation after the training. It was also observed that for the Experimental Group the results in the 2nd evaluation have not revealed differences in comparison to the results of the Control Group in all tests. CONCLUSION: It could be concluded that the aural rehabilitation program, including formal auditory training beneficiates the elderly in the period of hearing aids adaptation and also modifies the auditory behavior of these subjects.

OBJETIVO: Verificar a efetividade de um programa de treinamento auditivo formal em idosos usuários de próteses auditivas intraaurais no período de aclimatização. MÉTODOS: A amostra foi composta por 18 idosos (idade média: 71, 38 anos), de ambos os sexos, adaptados há uma semana com próteses auditivas intra-aurais binaurais. Os participantes foram randomizados em dois grupos: Grupo Experimental (submetidos ao treinamento auditivo) e Grupo Controle (não submetidos ao treinamento auditivo). O Grupo Experimental participou de sete sessões de treinamento auditivo em cabina acústica, uma sessão por semana, com duração de 50 minutos cada. Os procedimentos de avaliação incluíram testes de reconhecimento de fala e questionário de auto-avaliação do handicap auditivo. Estes foram aplicados em duas oportunidades, antes (1ª avaliação) e depois (2ª avaliação) do treinamento auditivo no Grupo Experimental e na avaliação inicial e final do estudo no Grupo Controle. RESULTADOS: No Grupo Experimental, o Índice de Reconhecimento de Fala e Fala com Ruído Branco foram significantemente melhores após o treinamento auditivo (2ª avaliação). Já o estudo das relações sinal/ruído no teste de reconhecimento de sentenças no ruído revelou uma tendência (p-valor próximo a 0,05) de melhora na avaliação pós-treinamento. Observou-se nos idosos do Grupo Experimental que os resultados obtidos na 2ª avaliação não foram significantemente melhores aos obtidos no Grupo Controle em todos os testes. CONCLUSÃO: Pode-se concluir que um programa de reabilitação aural, incluindo treinamento auditivo formal beneficia os idosos no período de adaptação das próteses auditivas, bem como modifica o comportamento auditivo destes indivíduos.
Palavra-chave Hearing loss
Cochlear implants
Hearing aids
Adaptation, physiological
Aged
Perda auditiva
Implantes cocleares
Auxiliares de audição
Adaptação fisiológica
Idoso
Idioma Português
Data de publicação 2007-12-01
Publicado em Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia. Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, v. 12, n. 4, p. 316-321, 2007.
ISSN 1516-8034 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia
Extensão 316-321
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1516-80342007000400011
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1516-80342007000400011 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4053

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1516-80342007000400011.pdf
Tamanho: 70.28KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta