Avaliação da reprodutibilidade da tomografia computadorizada no estadiamento da pancreatite aguda

Avaliação da reprodutibilidade da tomografia computadorizada no estadiamento da pancreatite aguda

Título alternativo Reproducibility in the assessment of acute pancreatitis with computed tomography
Autor Freire Filho, Edison de Oliveira Autor UNIFESP Google Scholar
Shigueoka, David Carlos Autor UNIFESP Google Scholar
Bekhor, Daniel Autor UNIFESP Google Scholar
Vieira, Renata La Rocca Autor UNIFESP Google Scholar
Yamada, André Fukunishi Autor UNIFESP Google Scholar
Freire, Maxime Figueiredo de Oliveira Autor UNIFESP Google Scholar
Ajzen, Sergio Aron Autor UNIFESP Google Scholar
D'Ippolito, Giuseppe Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: To evaluate the reproducibility of unenhanced and contrast-enhanced computed tomography in the assessment of patients with acute pancreatitis. MATERIALS AND METHODS: Fifty-one unenhanced and contrast-enhanced abdominal computed tomography studies of patients with acute pancreatitis were blindly reviewed by two radiologists (observers 1 and 2). The morphological index was separately calculated for unenhanced and contrast-enhanced computed tomography and the disease severity index was established. Intraobserver and interobserver reproducibility of computed tomography was measured by means of the kappa index (kappa). RESULTS: Interobserver agreement was kappa = 0.666, 0.705, 0.648, 0.547 and 0.631, respectively for unenhanced and contrast-enhanced morphological index, presence of pancreatic necrosis, pancreatic necrosis extension, and disease severity index. Intraobserver agreement (observers 1 and 2, respectively) was kappa = 0.796 and 0.732 for unenhanced morphological index; kappa = 0.725 and 0.802 for contrast-enhanced morphological index; kappa = 0.674 and 0.849 for presence of pancreatic necrosis; kappa = 0.606 and 0.770 for pancreatic necrosis extension; and kappa = 0.801 and 0.687 for disease severity index at computed tomography. CONCLUSION: Computed tomography for determination of morphological index and disease severity index in the staging of acute pancreatitis is a quite reproducible method. The absence of contrast-enhancement does not affect the computed tomography morphological index reproducibility.

OBJETIVO: Medir a reprodutibilidade da tomografia computadorizada sem e com contraste na avaliação da gravidade da pancreatite aguda. MATERIAIS E MÉTODOS: Cinqüenta e um exames de tomografia computadorizada abdominal sem e com contraste de pacientes com pancreatite aguda foram analisados por dois radiologistas (observadores 1 e 2). Calculamos o índice morfológico pela tomografia computadorizada sem e com contraste, separadamente, e o índice de gravidade da tomografia computadorizada para pancreatite aguda. Medimos a reprodutibilidade intra- e interobservador da tomografia computadorizada através do índice kappa (kapa). RESULTADOS: Para a concordância interobservador obtivemos kapa de 0,666, 0,705, 0,648, 0,547 e 0,631 para índice morfológico sem e com contraste, presença de necrose pancreática, extensão da necrose pancreática e índice de gravidade da tomografia computadorizada, respectivamente. Para a concordância intra-observador dos observadores 1 e 2 obtivemos, respectivamente, kapa de 0,796 e 0,732 para o índice morfológico sem contraste; 0,725 e 0,802 para o índice morfológico com contraste; 0,674 e 0,849 para a presença de necrose pancreática; 0,606 e 0,770 para a extensão da necrose pancreática; e 0,801 e 0,687 para o índice de gravidade da tomografia computadorizada. CONCLUSÃO: O estadiamento da pancreatite aguda pela tomografia computadorizada por meio do índice morfológico e do índice de gravidade da tomografia computadorizada é um método bastante reprodutível. O não-uso do contraste não afeta a reprodutibilidade da tomografia computadorizada para o cálculo do índice morfológico.
Palavra-chave Pancreatitis
X-ray computed tomography
Disease severity index
Prognosis
Contrast media
Necrosis
Pancreatite
Tomografia computadorizada por raios-x
Índice de gravidade de doença
Prognóstico
Meios de contraste
Necrose
Idioma Português
Data de publicação 2007-12-01
Publicado em Radiologia Brasileira. Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem, v. 40, n. 6, p. 383-387, 2007.
ISSN 0100-3984 (Sherpa/Romeo)
Publicador Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem
Extensão 383-387
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0100-39842007000600006
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0100-39842007000600006 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4023

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0100-39842007000600006.pdf
Tamanho: 160.6KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta