Auto-estima em pacientes com carcinomas de pele

Auto-estima em pacientes com carcinomas de pele

Título alternativo Self-esteem outcomes among non melanoma skin cancer patients
Autor Carvalho, Marcelo Prado de Autor UNIFESP Google Scholar
Oliveira Filho, Renato Santos de Autor UNIFESP Google Scholar
Gomes, Heitor Carvalho Autor UNIFESP Google Scholar
Veiga, Daniela Francescato Autor UNIFESP Google Scholar
Juliano, Yara Autor UNIFESP Google Scholar
Ferreira, Lydia Masako Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
UNIVÁS Departamento de Bioestatística
Resumo BACKGROUND: To evaluate self-esteem among patients with skin cancer of the face and the neck area. METHODS: One hundred patients were studied, with ages ranging between 30 and 90 years old (median = 55 years old). There were 44 males and 56 females. We divided them in two groups. One group had fifty patients with skin cancers, equal or larger than 10mm in the greater axis, and the pathological status was confirmed by previous biopsy. The control group had 50 patients without skin cancer. Rosenberg/UNIFESP-EPM's Self-esteem Scale was used to evaluate self-esteem. Data were analyzed by Mann - Whitney's test and Kruskal Wallis test. RESULTS: There was no significant difference between the two groups in relation to age (p = 0.331), sex and education. The mean tumor size was 20.9 ± 2 mm. Skin cancer patients presented significantly lower self-esteem, with average score of 6.84 and 3.90 for the control group (p = 0.002). CONCLUSION: Patients with skin cancer of the head and neck presented lower self-esteem than individuals without cancer.

OBJETIVO: Avaliar a auto-estima de pacientes com carcinomas de pele da face e do pescoço. MÉTODOS: Foram estudados 100 pacientes, com idades entre 30 e 90 anos (mediana = 55 anos), sendo 44 eram do gênero masculino e 56 do gênero feminino. O Grupo Estudo foi composto por 50 pacientes portadores de carcinomas de pele na face e no pescoço, com tamanho igual ou maior a 10 mm no seu maior eixo e com diagnóstico confirmado por biópsia prévia. O Grupo Controle consistiu de 50 indivíduos da população geral. Para avaliação da auto-estima, utilizou-se a Escala de Auto-estima de Rosenberg / UNIFESP-EPM. A análise estatística utilizou com o teste de Mann-Whitney e a Análise de Variância de Kruskal Wallis. RESULTADOS: Os pacientes portadores de câncer de pele e os da população geral não apresentaram diferenças significantes em relação à idade (p=0,331), gênero e escolaridade. O tamanho médio do tumor foi 20,9 + 2 mm. Os pacientes com câncer de pele apresentaram auto-estima significantemente mais baixa, com escore médio de 6,84 e 3,90 para o Grupo Controle (p=0,002). CONCLUSÃO: Os pacientes com câncer de pele na face e no pescoço apresentaram auto-estima menor do que os pacientes sem câncer.
Palavra-chave Skin neoplasms
Carcinoma, basal cell
Carcinoma, squamous cell
head and neck neoplasms
Quality of life
Self concept
Neoplasias cutâneas
Carcinoma basocelular
Carcinoma de células escamosas
Neoplasias de cabeça e pescoço
Qualidade de vida
Auto-imagem
Idioma Português
Data de publicação 2007-12-01
Publicado em Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Colégio Brasileiro de Cirurgiões, v. 34, n. 6, p. 361-366, 2007.
ISSN 0100-6991 (Sherpa/Romeo)
Publicador Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Extensão 361-366
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0100-69912007000600002
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0100-69912007000600002 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4011

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0100-69912007000600002.pdf
Tamanho: 82.91KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta