Efficacy of estriol in inhibiting epithelial proliferation in mammary fibroadenoma: randomized clinical trial

Efficacy of estriol in inhibiting epithelial proliferation in mammary fibroadenoma: randomized clinical trial

Título alternativo Eficácia do estriol na inibição da proliferação epitelial no fibroadenoma mamário: ensaio clínico randomizado
Autor Estevão, Rodrigo Augusto Fernandes Autor UNIFESP Google Scholar
Baracat, Edmund Chada Autor UNIFESP Google Scholar
Waitzberg, Angela Flávia Logullo Autor UNIFESP Google Scholar
Oshima, Celina Tizuko Fujiyama Autor UNIFESP Google Scholar
Nazário, Afonso Celso Pinto Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo CONTEXT AND OBJECTIVE: Mammary fibroadenoma is a disease that affects a large number of women of reproductive age. The aim of this study was to evaluate the proliferative activity of mammary fibroadenoma through expression of Ki-67 and c-myc antigens, following administration of oral contraceptive with or without estriol. DESIGN AND SETTING: Placebo-controlled double-blind randomized clinical trial in the Mastology Sector of the Department of Gynecology, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). METHODS: Thirty-three fibroadenoma patients were studied. Ten women (group 1) took an oral contraceptive constituted by levonorgestrel and ethinyl estradiol together with placebo manufactured in the same capsule for four consecutive cycles with a seven-day interval between them. The other 23 patients (group 2) took the same oral contraceptive together with estriol, which was put into the same capsule and used in the same way as among the group 1 patients. After four cycles, the nodules were surgically removed and sent for immunohistochemical analysis of Ki-67 and c-myc expression. RESULTS: The Ki-67 and c-myc analysis did not reveal any significant differences between the study groups. The values were 9.16 and 10.54 for group 1 and 10.86 and 17.03 for group 2, respectively. There was a tendency towards higher expression of antigens in group 2. CONCLUSION: Our results showed that there was no significant statistical difference in Ki-67 and c-myc expression between our study groups, but only a tendency towards higher expression among users of oral contraceptives containing estriol.

CONTEXTO E OBJETIVO: O fibroadenoma mamário é uma doença que atinge um grande número de mulheres na idade reprodutiva. O objetivo foi avaliar a atividade proliferativa do fibroadenoma mamário, através da expressão do Ki-67 e do c-myc, após a administração de anticoncepcional oral, associado ou não ao estriol. TIPO DE ESTUDO E LOCAL: Ensaio clínico randomizado, duplo-cego, placebo controlado, realizado na Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) a nível terciário. MÉTODOS: Foram estudadas 33 pacientes portadoras de fibroadenoma, atendidas no setor de Mastologia da Disciplina de Ginecologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) - Escola Paulista de Medicina (UNIFESP-EPM), sendo que 10 mulheres constituíram o grupo 1, e utilizaram anticoncepcional oral composto de levonorgestrel e etinilestradiol, associados a placebo na mesma cápsula por quatro ciclos consecutivos, com intervalo de sete dias entre cada um. As restantes 23 pacientes alocaram-se no grupo 2 e ingeriram, além do anticoncepcional oral descrito acima, um comprimido de estriol, que foi manufaturado na mesma cápsula e foi utilizado da mesma forma que nas pacientes do grupo 1. Ao final dos quatro ciclos, praticou-se a exérese cirúrgica dos nódulos, com posterior envio para análise imunoistoquímica de Ki-67 e c-myc. RESULTADOS: A análise com Ki-67 e c-myc não revelou diferença significante entre os grupos estudados, que foi de 9,16 e 10,54 no grupo 1 e de 10,86 e 17,03 no grupo 2, respectivamente, apesar de ter havido tendência a maior expressão dos marcadores entre as pacientes do grupo 2. CONCLUSÃO: Nossos resultados demonstram não haver diferença estatisticamente significante na expressão de Ki-67 e de c-myc entre os grupos em estudo, apenas uma tendência a sua maior expressão entre as usuárias de anticoncepcional e estriol.
Palavra-chave Fibroadenoma
Contraceptives oral
Estriol
Ki-67 antigen
Myc genes
Fibroadenoma
Anticoncepcionais orais
Estriol
Antígeno Ki-67
Genes myc
Idioma Inglês
Data de publicação 2007-11-01
Publicado em ESTEVAO, Rodrigo Augusto Fernandes et al . Efficacy of estriol in inhibiting epithelial proliferation in mammary fibroadenoma: randomized clinical trial. Sao Paulo Med. J., São Paulo , v. 125, n. 6, p. 343-350, nov. 2007
ISSN 1516-3180 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Associação Paulista de Medicina - APM
Extensão 343-350
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1516-31802007000600008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:000258507400008
SciELO S1516-31802007000600008 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3986

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1516-31802007000600008.pdf
Tamanho: 305.6KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta