Comparação entre a bomba de infusão de insulina subcutânea e o esquema de múltiplas doses de insulina em adolescentes com diabetes melito do tipo 1 da rede pública de saúde na abordagem da hipoglicemia grave

Comparação entre a bomba de infusão de insulina subcutânea e o esquema de múltiplas doses de insulina em adolescentes com diabetes melito do tipo 1 da rede pública de saúde na abordagem da hipoglicemia grave

Título alternativo Comparison between continuous subcutaneous insulin infusion and multiple daily injection regimens in adolescent with type 1 diabetes from a public health care system approach to severe hypoglycemia
Autor Gabbay, Mônica A.l. Autor UNIFESP Google Scholar
Dib, Sergio Atala Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: We compared the incidence of severe hypoglycemia episodes with therapy with multiple doses of insulin (MDI) and after changing to pump (CSII). PATIENTS AND METHODS: 7 T1DM patients with 14 years median and median duration of diabetes of 8 years. We analyzed insulin requirement (U/kg/day), BMI (Kg/m²), HbA1c (normal range: 3.5-6.7%) one year before and one year after changing therapy. The severe hypoglycemia episodes decreased from 1.3 to 0 episodes/patient/year; p = 0.00). The insulin requirement decreased from 1.33 ± 0.26 U/Kg/day to 0.87 ± 0.17 U/kg/day; p = 0.04 and HbA1c decreased from 8.7 ± 0.7% to 7.8 ± 0.9%; p = 0.05. CONCLUSION: CSII is efficient in decreasing severe hypoglycemia in a subgroup of T1DM using MDI also in Public Health Care System (PHCS) conditions. However, these finding should be reproduced by other Diabetes Care centers and cost studies are necessary to confirm the viability and possibility of this therapy, when necessary, to T1DM patients, which correspond to the majority of these individuals in our country, seeing in the PHCS.

OBJETIVO: Avaliação comparativa da freqüência de hipoglicemia severa após mudança da terapia com múltiplas doses de insulina (MDI) para bomba de insulina subcutânea (BIISC). PACIENTES E MÉTODOS: Sete pacientes DM1, idade Mi = 14 anos e tempo médio de diabetes de 8 anos, comparados de acordo com a incidência de hipoglicemia, a dose total de insulina (U/Kg/d), IMC (Kg/m²) e HbA1c (vn: 3,5-6,7%) 1 ano antes e 1 ano após a transferência de terapêutica. Houve redução significativa dos episódios de hipoglicemia severa (1,3 episódio/paciente/ano para zero episódio/paciente/ano; p = 0,04), na dose total diária de insulina (1,33 ± 0,26 U/Kg/dia para 0,87 ± 0,17 U/kg/dia; p = 0,04) e na HbA1c (8,7 ± 0,7% para 7,8 ± 0,9%; p = 0,05 com BIISC). Concluímos que a BIISC é eficaz e segura na redução de hipoglicemia severa em um subgrupo de pacientes DM1 com MDI. Entretanto, os resultados obtidos precisam ser reproduzidos em centros semelhantes e estudos de custo são necessários para que a sua viabilidade seja confirmada e aplicada nos sistemas públicos de saúde, que correspondem à maioria no nosso país.
Palavra-chave Type 1 diabetes mellitus
Multiple doses of insulin
Insulin pump
Hypoglycaemia
Adolescents
Diabetes mellitus tipo 1
Múltiplas doses de insulina
Bomba de infusão de insulina subcutânea
Hipoglicemia
Adolescentes
Idioma Português
Data de publicação 2007-10-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia. Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, v. 51, n. 7, p. 1169-1174, 2007.
ISSN 0004-2730 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia
Extensão 1169-1174
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27302007000700022
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27302007000700022 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3948

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27302007000700022.pdf
Tamanho: 145.3KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta