Tratamento da pseudartrose infectada da tíbia pelo método de Ilizarov: técnica do encurtamento agudo com subseqüente alongamento

Tratamento da pseudartrose infectada da tíbia pelo método de Ilizarov: técnica do encurtamento agudo com subseqüente alongamento

Título alternativo Treatment of infected pseudoarthrosis of the tibia by Ilizarov's method: technique using acute compression and subsequent distraction
Autor Borges, Jorge Luiz Google Scholar
Lopes Júnior, Osmar Google Scholar
Kim, Jung Ho Google Scholar
Milani, Carlo Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Instituto de Ortopedia e Traumatologia
IOT Serviço de Ortopedia Pediátrica
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Faculdade de Medicina do ABC
Resumo OBJECTIVE: To verify the effectiveness of treating the infected pseudoarthrosis of the tibia by Ilizarov's method using the technique of acute compression of the focus of pseudoarthrosis with later bone distraction. METHODS: 20 adult patients with unilateral infected pseudoarthrosis of the tibia treated from November 1993 to September 2000 were studied. In the postoperative period, the patients were evaluated for pain, orthesis requirement, joint mobility, return to daily life activities and/or to work, union of the pseudoarthrosis, cure of the infection, presence of bone deformities, discrepancy in limb length, and bone union in the bone regenerate area. RESULTS: Functional results were: excellent in 10 patients (50%), good in eight (40%), regular in one (5%), and poor in one patient (5%). The time to achieve union of the pseudoarthrosis of the distracted bone segment and the time of use of the fixator were proportional to the extension of bone loss. CONCLUSION: Ilizarov's method associated to acute compression followed by bone distraction showed to be effective to treat infected pseudoarthrosis of the tibia.

OBJETIVO:Comprovar a eficácia do tratamento da pseudartrose infectada da tíbia pelo método de Ilizarov, utilizando a técnica do encurtamento agudo do foco da pseudartrose com posterior alongamento ósseo. MÉTODOS: Foram estudados 20 pacientes adultos portadores de pseudartrose unilateral infectada da tíbia, tratados no período entre novembro de 1993 e setembro de 2000. No pós-operatório, os pacientes foram avaliados quanto a dor, necessidade de órtese, avaliação da mobilidade articular, retorno às atividades normais do dia-a-dia e/ou do trabalho, consolidação da pseudartrose, cura da infecção, existência de deformidades ósseas, discrepância no comprimento dos membros e consolidação óssea na área do regenerado ósseo. RESULTADOS: Os resultados funcionais foram: excelentes em 10 pacientes (50%), bons em oito (40%), regulares em um (5%) e ruins em um paciente (5%). O tempo de consolidação da pseudartrose, do segmento ósseo alongado e o tempo de uso do fixador foram proporcionais à extensão da perda óssea. CONCLUSÃO: O método de Ilizarov, associado ao encurtamento agudo com subseqüente alongamento ósseo, mostrou-se eficaz para o tratamento da pseudartrose infectada da tíbia.
Palavra-chave Pseudarthrosis
Ilizarov technique
External fixators
Osteomyelitis
Tibia
Pseudartrose
Técnica de Ilizarov
Fixadores externos
Osteomielite
Tibia
Idioma Português
Data de publicação 2007-09-01
Publicado em Revista Brasileira de Ortopedia. Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, v. 42, n. 9, p. 278-284, 2007.
ISSN 0102-3616 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia
Extensão 278-284
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0102-36162007000900002
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0102-36162007000900002 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3874

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0102-36162007000900002.pdf
Tamanho: 812.7KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta