Validação do sistema de transporte e das dosagens de amostras biológicas enviadas para a central de um laboratório de grande porte

Validação do sistema de transporte e das dosagens de amostras biológicas enviadas para a central de um laboratório de grande porte

Título alternativo Transport system validation and analysis of biological samples sent to a central laboratory
Autor Gabriel Junior, Alexandre Autor UNIFESP Google Scholar
Benedito-Silva, Ana Amélia Autor UNIFESP Google Scholar
De Martino, Maria Cristina Google Scholar
Razvickas, Wagner José Google Scholar
Silva, Regina Corrêa Google Scholar
Viana, Ana Maria Google Scholar
Maurício, Richard Couto Google Scholar
Santos, Silmara Aparecida Leopoldino Google Scholar
Tufik, Sergio Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
AFIP Medicina Laboratorial
Universidade de São Paulo (USP)
AFIP Medicina Laboratorial setor de Bacteriologia
AFIP Medicina Laboratorial setor de Bioquímica
Resumo The results obtained from biological sample analysis may be affected by several factors, among them, the conditions of samples transportation from the site of collection to the central laboratory.The aim of this paper was to verify the stability of the samples submitted to the transportation process (from Jundiaí to São Paulo) by comparing the results of 29 clinical laboratory parameters (including microbiology tests) on the same samples submitted or not to transportation. First, we verified the temperature inside a transportation box, during the routine the from Jundiaí to São Paulo, by introducing a special chip able to register it continuously. We observed that the temperature inside the box was kept between 13ºC and 23ºC (similar to room temperature). After that, samples were collected in Jundiaí and divided in two aliquots; one to be analysed at the laboratory in São Paulo. The methodology, apparatus and reagents used on the samples analysis were the same at both laboratories. The statistical analysis showed concordance between both averages trough correlation coefficient intra-class and by the Blan-Altman methods. It was observed that among the 29 parameters: 23 (79,3%) showed good to excellent. On the data from urinalysis we observed a good to excellent concordance in the urocult (88.0%), and as well in the urine I analysis. The data obtained by the correlation between the laboratory results and the graphics of temperature registered by chip are strong indicative of validation of our laboratorial analysis and transportation system, up to 16 hours sample collection.

A monitoração de vários interferentes nos resultados das análises clínicas laboratoriais originados do sistema de transporte de amostras biológicas de um posto de coleta para o local da fase analítica propriamente dita é de extrema importância. Com o objetivo de avaliar a estabilidade dos bioanalitos durante o transporte, os autores, neste trabalho, monitoraram a temperatura das caixas térmicas. Através de dispositivos medidores de temperatura (chips) introduzidos no interior de cada caixa térmica, observou-se que elas permaneceram climatizadas em torno de 13º a 23ºC, simulando a temperatura ambiente por todo o percurso e tempo necessários. Compararam-se os resultados de análises clínicas laboratoriais das amostras biológicas sem transporte realizadas no laboratório de origem da coleta (Jundiaí) com os das mesmas amostras biológicas com transporte realizado na central em São Paulo. Inicialmente foram estudados os principais parâmetros bioquímicos e a coagulação do sangue, além da urinálise com bacteriologia. A análise estatística foi de concordância entre as duas médias através do coeficiente de correlação intraclasse e também pela técnica de Bland-Altman, na qual se observou que, entre os 29 analíticos estudados, 23 (79,3%) apresentaram concordância boa a excelente; cinco (17,2%), moderada a boa; e uma (3,5%), fraca a moderada. Quanto às uroculturas, elas apresentaram 88% de concordância, portanto boa a excelente, e a urina I apresentou 94% de concordância na hematúria e 87,5% na leucocitúria, também boa a excelente. Os dados obtidos pelas correlações dos resultados das amostras e dos gráficos de temperatura emitidos pelos dispositivos registradores representaram indicadores de validação do sistema de transporte e das análises laboratoriais em até 16 horas após coleta do material, simulando um posto muito distante.
Palavra-chave Transportation
Biological samples
Temperature
Laboratorial analysis
Transporte
Amostras biológicas
Temperatura
Análises Laboratoriais
Idioma Português
Data de publicação 2007-08-01
Publicado em Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial. Sociedade Brasileira de Patologia ClínicaSociedade Brasileira de PatologiaSociedade Brasileira de Citopatologia, v. 43, n. 4, p. 235-240, 2007.
ISSN 1676-2444 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Patologia ClínicaSociedade Brasileira de PatologiaSociedade Brasileira de Citopatologia
Extensão 235-240
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1676-24442007000400003
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1676-24442007000400003 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3827

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1676-24442007000400003.pdf
Tamanho: 157.7KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta