Uso recente de álcool, tabaco e outras drogas entre estudantes adolescentes trabalhadores e não trabalhadores

Uso recente de álcool, tabaco e outras drogas entre estudantes adolescentes trabalhadores e não trabalhadores

Título alternativo Recent use of alcohol, tobacco, and other drugs among working and nonworking adolescents
Autor Souza, Delma Perpétua Oliveira de Autor UNIFESP Google Scholar
Silveira, Dartiu Xavier da Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade Federal de Mato Grosso Instituto de Saúde Coletiva
Resumo We carried out a cross-sectional, population-based study comparing the prevalence of recent psychoactive substance use in a probabilistic sample of 798 adolescent students that were also workers and of'1,493 that did not work. Students were enrolled in state Basic Education schools in the urban area of Cuiabá, Brazil. A self-administered questionnaire was completed by subjects in the classroom. This questionnaire included items on sociodemographic and school-related variables, as well as on the consumption of psychoactive substances. Recent use was defined as once or more in the 30 days prior to the interview. Prevalence in the sample of recent use of alcohol, tobacco, and other drugs was 37.4%, 9.5%, and 8.4%, respectively, and was higher among workers than among non-workers (47.4% vs. 32.1%, OR = 1.91, 95%CI 1.60-2.28; 13.6% vs. 7.3%, OR = 1.98 95%CI 1.49-2.63; 11.1% vs. 6.9% OR = 1.68, 95%CI 1.24-2.26). After logistic regression analysis, use of alcohol, tobacco, and other drugs remained associated with working adolescents in the 15-20 years age group, males, and from C+D+E social classes. We conclude that the recent use of psychoactive substances differed between working and non-working students. These results may support public health and education policies regarding the implementation of concatenated preventive and therapeutic measures targeting the adolescent population.

Foi realizado um estudo transversal, de base populacional, para determinar a prevalência do uso recente de substâncias psicoativas em uma amostra probabilística de 798 adolescentes trabalhadores e de 1.493 não trabalhadores, matriculados na rede estadual de educação básica da área urbana de Cuiabá, Brasil. Um questionário de autopreenchimento foi aplicado em sala de aula, indagando sobre aspectos sociodemográficas, sociais e o consumo de substâncias psicoativas. Definiu-se uso recente como consumo realizado uma ou mais vezes nos trinta dias que antecederam à entrevista. A prevalência na amostra do uso recente de álcool, tabaco e outras drogas foi de 37,4%, 9,5% e 8,4%, respectivamente, sendo mais elevada entre os adolescentes trabalhadores do que entre os não trabalhadores (47,4% versus 32,1% RO = 1,91, IC95% 1,60-2,28; 13,6% versus 7,3% RO = 1,98, IC95% 1,49-2,63; 11,1% versus 6,9% RO = 1,68, IC95% 1,24-2,26). Na análise de regressão logística, o uso recente de álcool, tabaco e outras drogas manteve-se associado aos trabalhadores da faixa etária de 15-20 anos, do sexo masculino e baixo nível socioeconômico (C+D+E). Conclui-se que os resultados indicam que o uso recente de álcool, tabaco e outras drogas foi diferente entre os trabalhadores em comparação com os não trabalhadores, sugerindo que esses resultados podem orientar as ações articuladas de prevenção e tratamento à população adolescente.
Assunto Epidemiology
Work
Psychoactive Substances
Adolescent Student
Public Health
Trabalho
Estudante Adolescente
Substâncias Psicoativas
Epidemiologia
Saúde Pública
Idioma Português
Data 2007-06-01
Publicado em Revista Brasileira de Epidemiologia. Associação Brasileira de Saúde Coletiva, v. 10, n. 2, p. 276-287, 2007.
ISSN 1415-790X (Sherpa/Romeo)
Editor Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Extensão 276-287
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2007000200015
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1415-790X2007000200015 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3775

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S1415-790X2007000200015.pdf
Tamanho: 150.0Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)