Avaliação do resultado de um programa educativo dirigido a paraplégicos visando o autocuidado relacionado aos déficits identificados na eliminação intestinal

Avaliação do resultado de um programa educativo dirigido a paraplégicos visando o autocuidado relacionado aos déficits identificados na eliminação intestinal

Título alternativo Effect of an educational program in intestinal elimination self-care deficits among individuals with paraplegia
Evaluación del resultado de un programa educativo dirigido a parapléjicos visando el auto cuidado relacionado a los déficits identificados en la eliminación intestinal
Autor Padula, Marcele Pescuma Capeletti Google Scholar
Souza, Mariana Fernandes De Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Santa Casa de São Paulo Faculdade de Ciências Médicas
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVES: To evaluate self-care progress of individuals with paraplegia who attended an educational program regarding 16 intestinal elimination self-care deficits, and to determine the influence of the neurological level of the injury and locus of control on the progress of the self-care. METHODS: A quasi-experimental design was used to conduct the study. The sample consisted of 28 individuals with paraplegia who were assign to usual care group (N = 14) or to the educational program in intestinal elimination self-care deficits group (N-14). Nursing interventions were scored Do = 4, Guide = 3, Support = 2, Teach = 1, Independent = 0. RESULTS: Individuals with paraplegia who attended the educational program had better progress toward self-care than those to the usual care group (p < 0.05). The neurological level of the injury and the locus of control did not influence individuals' progress toward self-care. CONCLUSION: The individuals who attended the educational program progressed satisfactorily toward intestinal elimination self-care actions.

OBJETIVOS: Evaluar el progreso de los pacientes parapléjicos en la asunción del auto cuidado después de la implantación de un programa educativo relacionado a 16 déficits identificados en la eliminación intestinal; verificar la influencia del nivel neurológico de lesión y locus de control a la salud en la asunción del auto cuidado. MÉTODOS: Estudio cuasi experimental realizado con 28 pacientes, 14 pertenecientes al grupo experimental a quienes se les aplicó el programa educativo y 14 del grupo control sometidos al tratamiento convencional de la institución. Fueron atribuidos puntuaciones a las acciones de enfermería: hacer -4, guiar - 3, apoyar - 2, enseñar - 1, independiente - 0. RESULTADOS: El grupo experimental progresó significativamente en la asunción del auto cuidado en comparación al grupo control (test de Chi cuadrado p-value<0,05). El nivel neurológico de la lesión y el lócus de control a la salud no influyeron en los resultados (tests Mann-Whitney y Chi cuadrado). CONCLUSIÓN: Los parapléjicos sometidos al programa educativo consiguieron progresar en la asunción del auto cuidado.

OBJETIVOS: Avaliar o progresso de paraplégicos na assunção do autocuidado, após a implementação de um programa educativo relacionado a 16 déficits identificados na eliminação intestinal; verificar a influência do nível neurológico da lesão e lócus de controle à saúde na assunção do autocuidado. MÉTODOS: Estudo semi-experimental com 28 pacientes, 14 pertencentes ao grupo experimental aos quais aplicou-se o programa educativo e 14 do grupo controle submetidos ao tratamento convencional da instituição. Foram atribuídos escores às ações de enfermagem: fazer - 4, guiar - 3, apoiar - 2, ensinar - 1, independente - 0. RESULTADOS: O grupo experimental progrediu significativamente na assunção do autocuidado em comparação com o grupo controle (teste de Quiquadrado p-value<0,05). O nível neurológico da lesão e o lócus de controle à saúde não influenciaram os resultados (testes Mann-Whitney e Quiquadrado). CONCLUSÃO: Os paraplégicos submetidos ao programa educativo conseguiram progredir na assunção do autocuidado.
Palavra-chave Health education
Paraplegia
Patient education
Self care
Defecation
Nursing care
Educação em saúde
Paraplegia
Educação do paciente
Autocuidado
Defecação
Cuidados de enfermagem
Idioma Português
Data de publicação 2007-06-01
Publicado em Acta Paulista de Enfermagem. Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), v. 20, n. 2, p. 168-174, 2007.
ISSN 0103-2100 (Sherpa/Romeo)
Publicador Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 168-174
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0103-21002007000200009
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0103-21002007000200009 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3750

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0103-21002007000200009.pdf
Tamanho: 188.5KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta