Transplante de córnea em ceratocone: avaliação dos resultados e complicações obtidos por cirurgiões experientes e em treinamento

Transplante de córnea em ceratocone: avaliação dos resultados e complicações obtidos por cirurgiões experientes e em treinamento

Título alternativo Corneal transplantation in keratoconus: evaluation of results and complications obtained by skillful and surgeons in training
Autor Mascaro, Vera Lucia Degaspare Monte Autor UNIFESP Google Scholar
Scarpi, Marinho Jorge Autor UNIFESP Google Scholar
Hofling-Lima, Ana Luisa Autor UNIFESP Google Scholar
Sousa, Luciene Barbosa de Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: Refractive and visual analysis in corneal transplantations performed for keratoconus by two groups of surgeons. METHODS: Seventy eyes of seventy patients, which had been submitted to penetrating keratoplasty (PK) for keratoconus, were examined and their charts were reviewed retrospectively for long-term results after all sutures had been removed. The patients were divided into two groups, Group I had surgery performed by skillful surgeons and Group II by surgeons in training. The results of best correct visual acuity, refractive error, postoperative complications and computerized videokeratoscopy were compared. RESULTS: The mean follow-up was 7.9 years with a range of 1.6 - 20 years. Each group consisted of 35 eyes. There were 35 females and 35 males. The donor age was different between the two groups. The surgical technique was the same in both groups, but the number of sutures was different. Preoperative mean logMAR visual acuity was low in the two groups, but statistically different and no relationship was found between the results. All the refractive, topographic and visual acuity results were similar between both groups. Endothelial rejection was more frequent in Group II. Only three grafts lost graft clarity. These patients belonged to Group II. CONCLUSION: In a corneal referral practice, the visual results after PK were similar to those related to the PK performed by either expert surgeons or in training.

OBJETIVO: Analisar os resultados refrativos e visuais dos transplantes de córnea em pacientes portadores de ceratocone, em dois grupos de cirurgiões. MÉTODOS: Setenta olhos de setenta pacientes com transplante de córnea por ceratocone realizados por médicos experientes (Grupo I) e em treinamento (Grupo II) foram examinados, após a remoção completa da sutura, e os dados de seus prontuários recolhidos. Os pacientes foram avaliados quanto às características demográficas, técnica de cirurgia empregada, complicações pós-operatórias e de seus resultados refracionais e visuais. RESULTADOS: O tempo de pós-operatório médio foi de 7,9 anos, variando de 1,6 a 20 anos. A proporção homens/mulheres foi de 1:1. Cada grupo foi formado por 35 olhos. A idade do doador foi diferente entre os dois grupos. A acuidade visual pré-operatória diferiu entre os dois grupos, mas não houve relação com a acuidade visual na avaliação clínica pós-operatória. A técnica cirúrgica empregada diferiu apenas no número de suturas. Com relação a todos os resultados refrativos, topográficos e de acuidade visual no pós-operatório, não houve diferença estatística entre os grupos estudados. A principal complicação observada foi a reação de rejeição. A rejeição endotelial foi mais freqüente no Grupo II. Apenas três enxertos não foram transparentes, todos pertencentes ao Grupo II. CONCLUSÃO: Os resultados visuais, refracionais e complicações após transplante de córnea por ceratocone foram similares quando realizados por cirurgiões experientes e em treinamento.
Palavra-chave Keratoconus
Corneal keratoplasty
Postoperative complications
Refractive error
Ceratocone
Transplante de córnea
Complicações pós-operatórias
Erros de refração
Idioma Português
Data de publicação 2007-06-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 70, n. 3, p. 395-405, 2007.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo)
Publicador Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 395-405
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492007000300004
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27492007000300004 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3743

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27492007000300004.pdf
Tamanho: 1.745MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta