Estudos farmacoeconômicos e carga da doença em esquizofrenia

Estudos farmacoeconômicos e carga da doença em esquizofrenia

Título alternativo Overview about pharmacoeconomics analysis and burden-of-illness in schizophrenia
Autor Daltio, Claudiane Salles Autor UNIFESP Google Scholar
Mari, Jair de Jesus Autor UNIFESP Google Scholar
Ferraz, Marcos Bosi Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Centro Paulista de Economia da Saúde
Resumo BACKGROUND: The concern with the health and the benefits of the therapeutical ones to the patient continues being the focus of the medicine, but to know the costs involved and to make the management of the available resources are basic in the present time. OBJECTIVE: This article reviews some concepts used in the pharmacoeconomics studies such as types of costs (direct, indirect, intangible costs), types of economic analyses as well as the burden of illness. METHOD: Search at Medline database of the main pharmacoeconomics studies carried out on schizophrenia. RESULTS: We had been detailing studies on costs in the schizophrenia developed in USA in 2002, Canada in 2004 and England 2004/2005, as well as the single Brazilian study carried out in 1998. CONCLUSION: The studies show a heavy burden-of-illness in schizophrenia for the society, alerting for the importance of these findings to the economic questions and of politics of health.

CONTEXTO: A preocupação com a saúde e os benefícios das terapêuticas ao paciente continua sendo o foco da medicina, mas conhecer os custos envolvidos e fazer a gestão dos recursos disponíveis é fundamental na atualidade. OBJETIVO: Este artigo pretende fazer uma revisão sobre alguns conceitos utilizados nos estudos farmacoeconômicos, tais como tipos de custos (diretos, indiretos, intangíveis), tipos de análises econômicas e carga de doença na esquizofrenia. MÉTODO: Foi realizada uma revisão na base de dados Medline sobre os principais estudos farmacoeconômicos realizados em esquizofrenia. RESULTADOS: Foram detalhados estudos sobre custos na esquizofrenia realizados nos EUA em 2002, Canadá em 2004 e Inglaterra 2004/2005, com destaque para o único estudo brasileiro realizado até agora, referente ao ano de 1998. CONCLUSÃO: Os estudos estimam uma pesada carga da esquizofrenia para a sociedade, alertando para a importância desses achados quanto às questões econômicas e de política de saúde.
Palavra-chave Schizophrenia
economic evaluation
burden-of-illness
cost-off-illness
Esquizofrenia
avaliação econômica
carga da doença
custo da doença
Idioma Português
Data de publicação 2007-01-01
Publicado em Archives of Clinical Psychiatry. Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, v. 34, p. 208-212, 2007.
ISSN 0101-6083 (Sherpa/Romeo)
Publicador Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo
Extensão 208-212
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0101-60832007000800012
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0101-60832007000800012 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3453

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0101-60832007000800012.pdf
Tamanho: 151.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta