Padrão alimentar de idosos de diferentes estratos socioeconômicos residentes em localidade urbana da região sudeste, Brasil

Padrão alimentar de idosos de diferentes estratos socioeconômicos residentes em localidade urbana da região sudeste, Brasil

Título alternativo Eating patterns among the elderly of different socioeconomic groups resident in an urban area of Southeastern Brazil
Autor Najas, Myrian Spinola Autor UNIFESP Google Scholar
Andreazza, Rosemarie Autor UNIFESP Google Scholar
Souza, Ana Lucia Medeiros De Autor UNIFESP Google Scholar
Sachs, Anita Autor UNIFESP Google Scholar
Guedes, Ana Cristina B. Autor UNIFESP Google Scholar
Sampaio, Lilian Ramos Autor UNIFESP Google Scholar
Ramos, Luiz Roberto Autor UNIFESP Google Scholar
Tudisco, Eliete Salomon Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Two hundred and eight three male and female elderly subjects were studied. They participated in the Multicentric project: Health assessment of elderly people living in the urban area of S.Paulo, Brazil, and were stratified by socio-economic level in three areas of S.Paulo city. The food frequency questionnaire was applied in order to discover their food pattern. The results show that for the energy-producing foods more than 90% of the total sample eat tubers, rice, bread and pasta; however, only the rice and bread are consumed daily. As for protein, 70% or more of the elderly people eta beans, beef, poultry, milk and eggs but for the daily consumption there are differences between the 3 regions. More than 85% of the subjects eat fruits, leafy and other vegetables; nevertheless, the frequency of their daily consumption is bigger in the walthierarea. The dietetic information shows that the group analysed has the same food pattern as other population groups as far the energy-producing foods are concerned; there are, however, some defference as regards the protein foods and fruit and vegetables.

Foram estudados 283 idosos do sexo masculino e feminino pertencentes ao projeto multicêntrico Identificação de Necessidades dos Idosos Residentes em Zona Urbana do Município de São Paulo, estratificados por nível socioeconômico em três regiões do Município de São Paulo, SP - Brasil. Utilizou-se o método de freqüência de alimentos para se obter o padrão alimentar do grupo analisado. Os resultados indicam que no grupo de alimentos energéticos, mais de 90% dos indivíduos das três regiões ingerem feculentos, arroz, pão e macarrão; porém, apenas o arroz e o pão são utilizados diariamente. Quanto ao grupo de alimentos protéicos, 70% ou mais dos idosos consomem feijão, carne de boi, aves, leite e ovos, entretanto, no consumo diário, existe uma diferenciação entre as regiões analisadas. Dos reguladores, mais de 85% dos indivíduos têm por hábito consumir frutas, verduras folhosas e legumes, mas, ao se avaliar o consumo diário, verifica-se que a prática é maior na região de melhor nível socioeconômico. As informações dietéticas mostram que os idosos analisados apresentam o mesmo padrão alimentar de outros grupos populacionais no tocante aos alimentos energéticos, porém, diferem quanto aos protéicos e reguladores.
Palavra-chave Nutrition
Aged
Food habits
Nutrição
Idoso
Hábitos dietéticos
Idioma Português
Data de publicação 1994-06-01
Publicado em Revista de Saúde Pública. Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo, v. 28, n. 3, p. 187-191, 1994.
ISSN 0034-8910 (Sherpa/Romeo)
Publicador Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Extensão 187-191
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89101994000300004
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0034-89101994000300004 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/344

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0034-89101994000300004.pdf
Tamanho: 823.3KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta