Potenciais evocados auditivos em indivíduos acima de 50 anos de idade

Potenciais evocados auditivos em indivíduos acima de 50 anos de idade

Título alternativo Auditory evoked potentials in individuals over 50 years
Autor Matas, Carla Gentile Autor UNIFESP Google Scholar
Santos Filha, Valdete Alves Valentins Dos Google Scholar
Okada, Melissa Mitsue Cunha Pires Autor UNIFESP Google Scholar
Resque, Juliana Reis Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade de São Paulo (USP)
Resumo BACKGROUND: auditory evoked potentials. AIM: to describe the results of brainstem auditory evoked potentials (PEATE), middle latency auditory evoked potentials (PEAML) and cognitive potential (P300) in individuals over 50 years. METHOD: this study was developed at the Speech and Hearing Investigation Laboratory in Auditory Evoked Potentials of the Speech-Language and Hearing Course of the Department of Physiotherapy, Speech-language and Hearing Sciences and Occupational Therapy of FMUSP. Twenty four subjects (45 ears) were evaluated through PEATE and P300, and only 18 of these subjects (36 ears) were evaluated through PEAML. All subjects had ages between 51 and 74 years and were divided in three groups: GI (50-59 years), GII (60-69 years) and GIII (70-79 years). All subjects presented either normal hearing or neurossensorial hearing loss of a moderate-severe level in the PEATE, and of a moderate level in the PEAML and in the P300. The frequency range evaluated in the PEATE and in the PEAML varied from 3000 to 6000Hz, while in the P300 it varied from 1000 to 1500Hz. For the statistical analyses of the data, the Kruskal-Wallis test, the Mann-Whitney test and the two proportion equality test were used. RESULTS: significant statistical differences were simultaneously observed between the groups for the interpeak I-V in the PEATE and for the Na wave latency in the PEAML - in the PEATE the difference was caused by GIII and in the PEAML it was caused by GI. A statistically significant difference between the groups was observed for the latency of the P300 component. Considerable alterations were also found regarding the quality of the responses of the auditory evoked potentials, indicating a strong correlation between the deterioration of the responses and the increase in age. CONCLUSION: the aging process of the auditory system progressively affects the auditory pathways throughout the brainstem and temporal lobe.

TEMA: potenciais evocados auditivos. OBJETIVO: descrever os resultados dos potenciais evocados auditivos de tronco encefálico (PEATE), potenciais evocados auditivos de média latência (PEAML) e potencial cognitivo (P300) em indivíduos acima de 50 anos de idade. MÉTODO: este estudo foi desenvolvido no Laboratório de Investigação Fonoaudiológica em Potenciais Evocados Auditivos do Curso de Fonoaudiologia, do Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional da FMUSP. Foram avaliados 24 pacientes (45 orelhas) por meio do PEATE e do P300, sendo que apenas 18 destes pacientes (36 orelhas) foram avaliados por meio do PEAML. Todos os indivíduos encontravam-se na faixa etária de 51 a 74 anos de idade, divididos em três grupos:GI (50 - 59 anos), GII (60 - 69 anos) e GIII (70 a 79 anos) e apresentavam audição normal ou até perda auditiva neurossensorial de grau moderadamente severo no PEATE e de grau moderado no PEAML e no P300. A faixa de frequências avaliadas no PEATE e no PEAML abrangeu 3000 a 6000 Hz, enquanto que no P300 a faixa foi de 1000 a 1500Hz. Para a análise estatística dos dados foram utilizados os testes estatísticos de Kruskal-Wallis, Mann-Whitney e igualdade de duas proporções. RESULTADOS: observaram-se diferenças estatisticamente significantes entre os grupos simultaneamente para o interpico I -V no PEATE e para a latência da onda Na no PEAML, sendo que no PEATE foi o GIII que provocou a diferença e no PEAML foi o GI. Evidenciou-se diferença estatisticamente significante entre os grupos simultaneamente para a latência do componente P300. Verificou-se, também, alterações consideráveis em relação à qualidade dos traçados dos potenciais evocados auditivos, indicando uma forte correlação entre piora na qualidade do traçado e aumento da idade. CONCLUSÃO: o processo de envelhecimento do sistema auditivo afeta progressivamente as vias auditivas ao longo do tronco encefálico e lobo temporal.
Palavra-chave Auditory Evoked Potentials
P300 Event-Related Potentials
Aging
Potenciais Evocados Auditivos
Potencial Evocado P300
Envelhecimento
Idioma Português
Data de publicação 2006-12-01
Publicado em Pró-Fono Revista de Atualização Científica. Pró-Fono Produtos Especializados para Fonoaudiologia Ltda., v. 18, n. 3, p. 277-284, 2006.
ISSN 0104-5687 (Sherpa/Romeo)
Publicador Pró-Fono Produtos Especializados para Fonoaudiologia Ltda.
Extensão 277-284
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0104-56872006000300007
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0104-56872006000300007 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3399

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0104-56872006000300007.pdf
Tamanho: 282.3KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta