A corporalidade do cliente segundo representações de estudantes de enfermagem

A corporalidade do cliente segundo representações de estudantes de enfermagem

Título alternativo The corporality of the client according to nursing students representations
La corporalidad del cliente según representaciones de estudiantes de enfermería
Autor Lima, Renata Campos de Autor UNIFESP Google Scholar
Brêtas, José Roberto da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo This study based on the theory of the Social Representation that subsidized the apprehension and analysis of how nursing students had perceived and represented the body of their clients and the emergent subjectives of contact and relation of taking care. It was carried with 20 female students of four grades of the nursing faculty of the UNIFESP. The data were obtained using interview and analysed by content analysis method (Categorial Analysis) that showed the following categories: body object, stigmatisation, student-client relationship, body communication, privacy's intrusion and embarrassing.

Es un estudio basado en la teoría de la Representación Social que subsidió la incautación y análisis de como las estudiantes de enfermería percibieron y representaron el cuerpo de sus clientes y las subjetividades emergentes del contacto de la relación del cuidar. Fue realizado junto la 20 estudiantes del sexo femenino de las cuatro series de graduación en Enfermería de la UNIFESP. Los datos fueron obtenidos utilizando la entrevista abierta y analizados por el método Análisis de Contenido (Análisis Categorial), lo cual desveló las siguientes categorías: cuerpo objeto, estigmatizacion, relación estudiante-cliente, comunicación corporal, invasión de privacidad y constreñimiento.

É um estudo fundamentado na teoria da Representação Social que subsidiou a apreensão e análise de como as estudantes de enfermagem perceberam e representaram o corpo de seus clientes e as subjetividades emergentes do contato da relação do cuidar. Foi realizado junto a 20 estudantes do sexo feminino das quatro séries de graduação em Enfermagem da UNIFESP. Os dados foram obtidos utilizando a entrevista aberta e analisados pelo método Análise de Conteúdo (Análise Categorial), o qual desvelou as seguintes categorias: corpo objeto, estigmatização, relação estudante-cliente, comunicação corporal, invasão de privacidade e constrangimento.
Palavra-chave Students, nursing
Education, nursing
Qualitative research
Psychology, applied
Estudantes de enfermagem
Educação em enfermagem
Pesquisa qualitativa
Psicologia aplicada
Idioma Português
Data de publicação 2006-12-01
Publicado em Revista Brasileira de Enfermagem. Associação Brasileira de Enfermagem, v. 59, n. 6, p. 727-733, 2006.
ISSN 0034-7167 (Sherpa/Romeo)
Publicador Associação Brasileira de Enfermagem
Extensão 727-733
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672006000600002
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0034-71672006000600002 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3391

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0034-71672006000600002.pdf
Tamanho: 116.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta