A elevação da pressão arterial sistólica durante o teste ergométrico após transplante cardíaco: correlação com o quadro clínico e a função ventricular avaliada pela ecocardiografia sob estresse com dobutamina

A elevação da pressão arterial sistólica durante o teste ergométrico após transplante cardíaco: correlação com o quadro clínico e a função ventricular avaliada pela ecocardiografia sob estresse com dobutamina

Título alternativo Increase in systolic blood pressure during exercise testing after heart transplantation: correlation with the clinical condition and ventricular function assessed by dobutamine stress echocardiography
Autor Salles, Ana Fátima Autor UNIFESP Google Scholar
Machado, Cristiano Vieira Autor UNIFESP Google Scholar
Cordovil, Adriana Autor UNIFESP Google Scholar
Leite, Wagner Aparecido Autor UNIFESP Google Scholar
Moisés, Valdir Ambrósio Autor UNIFESP Google Scholar
Almeida, Dirceu Rodrigues de Autor UNIFESP Google Scholar
Carvalho, Antonio Carlos Autor UNIFESP Google Scholar
Oliveira Filho, Japy Angelini Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: Patients who underwent heart transplantation (HTX) experience a reduction in the elevation that is usual in systolic blood pressure during exercise testing. Of unknown origin, this phenomenon varies in frequency and intensity. The aim of this study was to analyze the relationship between systolic blood pressure increase (delta SBP) and clinical aspects, as well as variables measured during exercise testing (ET) and dobutamine stress echocardiography (DSE) in patients in the late post-transplantation course. METHODS: Forty-five men, mean age 49.04 ± 10.19, underwent clinical assessment, ET and DSE 40.91 ± 27.46 months after heart transplantation. Left ventricular wall motion score index and ejection fraction were assessed. Delta SBP < 35mmHg during ET was considered abnormal (SBC,1995). RESULTS: No significant correlation was found between delta SBP and post-transplantation time, graft ischemic time, history of rejection, diltiazem dosage, oxygen uptake, ejection fraction, and wall motion score index (WMSI). Delta SBP was normal in 17 patients (Group I) and abnormal in 28 (Group II). Patients of both groups did not differ significantly in regard to clinical features and ET and DSE results. CONCLUSION: Unlike other populations, no correlation was found between delta SBP during exercise testing and clinical condition or left ventricular function in heart transplant patients. Pathophysiological factors associated with delta SBP reduction during exercise testing remain unknown.

OBJETIVO: Em pacientes submetidos a transplante cardíaco (TxC) descreve-se redução da elevação da pressão arterial durante o teste ergométrico (TE). Este fenômeno, cuja origem é desconhecida, ocorre em freqüência e intensidade variáveis. O objetivo deste estudo foi verificar a relação entre o incremento da pressão arterial sistólica (deltaPAS) e aspectos clínicos, bem como as variáveis aferidas no TE e ecocardiograma sob estresse pela dobutamina (EED), em pacientes na fase tardia após TxC. MÉTODOS: Quarenta e cinco homens, 49,04±10,19 anos, 40,91±27,46 meses pós-TxC submeteram-se a avaliação clínica, TE e EED . Avaliou-se o índice de contratilidade segmentar e a fração de ejeção de ventrículo esquerdo. Consideraram-se anormais deltaPAS<35mmHg no TE (SBC,1995). RESULTADOS: Não houve correlação significativa entre deltaPAS e o tempo de evolução do transplante, tempo de isquemia do enxerto, antecedentes de rejeição, dose de diltiazem, consumo de oxigênio estimado, fração de ejeção e índice de contratilidade segmentar. O deltaPAS foi normal em 17 casos (Grupo I) e anormal em 28 pacientes (Grupo II). Não houve diferenças significativas entre os pacientes de ambos os grupos em relação aos aspectos clínicos e aos resultados do TE e EED. CONCLUSÃO: Ao contrário de outras populações, os autores não detectaram correlações entre deltaPAS e o quadro clínico e a função ventricular esquerda em pacientes com TxC. Os fatores associados à redução do deltaPAS no TE pós-TxC permanecem desconhecidos.
Palavra-chave Heart transplantation
exercise testing
echocardiogram
Transplante cardíaco
teste ergométrico
ecocardiograma
Idioma Português
Data de publicação 2006-11-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC, v. 87, n. 5, p. 628-633, 2006.
ISSN 0066-782X (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC
Extensão 628-633
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0066-782X2006001800013
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0066-782X2006001800013 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3337

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0066-782X2006001800013.pdf
Tamanho: 209.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta