Glycemic control in adult type 1 diabetes patients from a brazilian country city: comparison between a multidisciplinary and a routine endocrinological approach

Glycemic control in adult type 1 diabetes patients from a brazilian country city: comparison between a multidisciplinary and a routine endocrinological approach

Título alternativo Controle glicêmico em pacientes adultos com diabetes do tipo 1 em uma cidade brasileira: comparação entre abordagem multidisciplinar e endocrinológica de rotina
Autor Mourão-júnior, Carlos A. Autor UNIFESP Google Scholar
Sá, João Roberto de Google Scholar
Guedes, Olívia M. Silveira Autor UNIFESP Google Scholar
Dib, Sergio Atala Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade Federal de Juiz de Fora Departamento de Fisiologia
Resumo OBJECTIVE: To evaluate the metabolic control of a cohort of adult type 1 diabetes mellitus (T1DM) patients assisted in a public Diabetes Center (DC) that follows the rules of a national diabetes society. METHODS: We compared for one year the metabolic control and the characteristics of 175 T1DM patients attended by a multidisciplinary team in a DC (test group) with 30 patients assisted only by endocrinologists at a public endocrinology outpatient center (control group). RESULTS: The test group presented a larger proportion of well-controlled patients (p= 0.002). The proportions (test x control group) were as follows: 51.4% x 16.7% in the subgroup with A1C < 7%; 21.7% x 36.7% in the subgroup with A1C between 7.1% and 8.0%; and 26.9% x 46.7% in the subgroup with A1C > 8%. Patients assisted in the DC presented a likelihood 4.38 times higher of reaching levels of A1C up to 7%. CONCLUSIONS: This study shows the effectiveness of a DC and emphasizes the importance of education, adherence and multidisciplinarity as cornerstones for the treatment, showing that in developing countries it is possible to treat T1DM with satisfactory results.

OBJETIVO: Avaliar o controle metabólico de uma coorte de pacientes adultos com diabetes do tipo 1 (DM1) atendidos em um Centro de Diabetes (CD) que segue as normas da Sociedade Brasileira de Diabetes. MÉTODOS: Foram comparados o controle glicêmico e as características de 175 pacientes com DM1 atendidos por uma equipe multidisciplinar em um CD (grupo teste) com 30 pacientes assistidos em um ambulatório de endocrinologia geral (grupo controle) durante um ano. RESULTADOS: O grupo teste apresentou uma maior proporção de pacientes bem controlados (p= 0,002). As proporções (grupo teste x grupo controle) foram: 51,4% x 16,7% no subgrupo com A1C < 7%; 21,7% x 36,7% no subgrupo com A1C entre 7,1% e 8,0%; e 26,9% x 46,7% no subgrupo com A1C > 8%. Os pacientes atendidos no CD apresentaram probabilidade 4,38 vezes maior de atingir níveis de A1C até 7%. CONCLUSÃO: O estudo mostra a efetividade do CD e enfatiza a importância da educação, aderência e da multidisciplinaridade como pedras angulares do tratamento, mostrando ser possível tratar o DM1 nos países em desenvolvimento com resultados satisfatórios.
Palavra-chave Diabetes mellitus, type 1
Insulin
Health services
Patient education
Brazil
Diabetes mellitus tipo 1
Insulina
Serviços de saúde
Educação do paciente
Brasil
Idioma Inglês
Data de publicação 2006-10-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia. Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, v. 50, n. 5, p. 944-950, 2006.
ISSN 0004-2730 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia
Extensão 944-950
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27302006000500018
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27302006000500018 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3305

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27302006000500018.pdf
Tamanho: 97.68KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta