Achados oculares em pacientes com mais de 99 anos

Achados oculares em pacientes com mais de 99 anos

Título alternativo Ocular findings in patients older than 99 years
Autor Cypel, Marcela Colussi Autor UNIFESP Google Scholar
Palácio, Guilherme Autor UNIFESP Google Scholar
Dantas, Paulo Elias Correa Google Scholar
Lottenberg, Cláudio Luis Autor UNIFESP Google Scholar
Belfort, Rubens Junior Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Santa Casa de Misericórdia de São Paulo Departamento de Oftalmologia Setor de Urgência e Pronto Socorro
Santa Casa de Misericórdia de São Paulo Departamento de Oftalmologia Seção de Córnea e Doenças Externas
Hospital Albert Einstein Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa
Resumo PURPOSE: To determine vision conditions and ocular findings in patients older than 99 years. METHODS: Patients were recruited by media advertisement and examined at the Vision Institute of UNIFESP. The following examinations were performed: visual acuity, ectoscopy, refraction, biomicroscopy, tear film break-up time, Schirmer basal test, tonometry, direct and indirect ophthalmoscopy. Complementary examinations such as optical coherence tomography were performed when indicated. RESULTS: Thirty patients older than 99 years were identified. Mean age of 101.5±1.8, 25 females and 5 males. Most common systemic disease, according to history, was arterial hypertension. In 11 patients (55%), the best corrected far visual acuity was 20/100 or better. The best corrected near visual acuity was J4 or better also in 55% (11 patients) and 63.0% (7 patients) of these were the ones that had not been submitted to cataract surgery. The most frequent visual complaint was low vision for reading (55%) and other 8 patients (40%) reported no disturbance (satisfied with their vision). Lens opacity was present in 9 patients (60%) and 8 patients (40%) had previous cataract surgery (5 aphakic eyes, 9 pseudophakic eyes). Cataract was identified as important for impairment of vision in 5 patients but only 2 of them wanted to be submitted to surgery. The main cause of visual impairment was age-related macular degeneration, present in all patients, 95% with no exudative form. Vision improved with new refractive prescription in 4 patients. CONCLUSION: Once we understand the needs we can plan specific diagnostic and treatment strategies. This sample showed that most were female (83.3%), with good general health (35%), most with systemic arterial hypertension (40%), complaining of low vision for reading (55%) because of age-related macular degeneration (100%, 95% dry form). Only 40% had been previously submitted to cataract surgery. Most of the patients with cataract said to be satisfied with their vision; of the 5 patients that could be operated only 2 decided to do it. Low vision for reading, AMD and cataract were the main findings.

OBJETIVO: Determinar as condições visuais e oculares em indivíduos com mais de 99 anos. MÉTODO: Estudo prospectivo e descritivo de série casos. Trinta idosos com mais de 99 anos se inscreveram no Instituto da Visão da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), de forma voluntária, respondendo à busca ativa. O exame oftalmológico constou de anamnese, ectoscopia, acuidade visual, exame refracional, citologia e cultura de cílios e conjuntiva com antibiograma, teste de Schirmer basal, tempo de ruptura do filme lacrimal, coloração com Rosa Bengala da conjuntiva e córnea, exame de biomicroscopia, tonometria de aplanação e fundoscopia direta e indireta. Foram realizados exames complementares, como retinografia e tomografia de coerência óptica, quando indicados. RESULTADOS: Trinta pacientes acima de 99 anos (média de 101,5±1,8 anos), dos quais, 25 mulheres e 5 homens, foram examinados; destes, 10 não tinham condições de exame completo, em razão de limitações de saúde e mobilidade. A doença sistêmica mais encontrada foi hipertensão arterial (8 pacientes = 40%). Cinco pacientes (25%) negaram qualquer doença ou uso de medicação. A melhor acuidade visual corrigida para longe foi de 20/100 ou melhor em 11 pacientes (55%) e para perto variou de J4 ou melhor também em 11 pacientes (55%), sendo que sete destes idosos (63%) não haviam sido submetidos à cirurgia de catarata. A principal queixa foi dificuldade para leitura em 55% e 40% demonstrou estar satisfeito com a sua visão. A melhora da acuidade com prescrição de óculos novos ocorreu em 4 casos (20%). Catarata foi identificada como comprometendo a visão de forma significativa em 5 casos (25%); porém, apenas 2 concordaram com a cirurgia. A principal causa de baixa visão foi a degeneração macular relacionada à idade, presente em todos os casos; na maioria da vezes (95%), na forma seca. CONCLUSÃO: As necessidades da população nessa faixa etária devem ser entendidas para o desenvolvimento de política específica de saúde ocular. Esse estudo demonstrou idosos com maioria do sexo feminino (83,3%), boa saúde geral (35%), hipertensos (40%), com dificuldade para leitura (55%) e com baixa visual em decorrência de degeneração macular relacionada à idade.
Palavra-chave Demographic aging
Aging
Vision disorders
Aged, 80 and over
Health services for the aged
Visual acuity
Quality of life
Envelhecimento da população
Envelhecimento
Transtornos da visão
Idoso de 80 anos ou mais
Acuidade visual
Serviços de saúde para idosos
Qualidade de vida
Idioma Português
Data de publicação 2006-10-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 69, n. 5, p. 665-669, 2006.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo)
Publicador Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 665-669
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492006000500008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27492006000500008 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3284

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27492006000500008.pdf
Tamanho: 49.73KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta