Acesso, utilização e aceitação dos serviços de dermatologia de um Centro de Saúde Escola sob o modo de ver dos hansenianos

Acesso, utilização e aceitação dos serviços de dermatologia de um Centro de Saúde Escola sob o modo de ver dos hansenianos

Título alternativo Access, use and acceptance of dermatologic services of a teaching center from the viewpoint of patients with leprosy
Acceso, utilización y aceptación de los servicios de dermatología de un Centro de Salud - Escuela, bajo la manera de ver de los hansenianos
Autor Adami, Nilce Piva Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo The present Case Study intends to analyze the access, utilization and acceptance of the Dermatology services of a SHC based mainly in the orally reported histories of 27 patients affected by Hansen's disease. The access to SHC - concerning its organization - took place without difficulty, except for the attendance services. However; the utilization level of the services was found to be higher than the established pattern of the care provided whether in actual episodes of the disease or not. The acceptance of the services rendered was consensual and both the technical quality and interpersonal relationship were emphasized.

Este es un estudio de caso que tiene por finalidad analizar el acceso, la utilización y la aceptación de los servicios de Dermatología de un Centro de Salud Escuela (CSE) y la fuente de datos para análisis conscitió, principalmente, de la historia oral narrada por 27 enfermos portadores del mal de Hansen. Según estos pacientes, el acceso al CSE, en lo que refiere al aspecto de organización, ocurrió sin obstáculos, con excepción de los servicios de la retaguardia. La utilización de los servicios fue mayor que el padrón establecido debido a la atención prestada a episodios propios o no de la Hanseniases. La aceptación de los servicios recibidos fue general, con énfasis a los atributos técnicos y de relacionamiento interpersonal.

Trata-se de um Centro de Estudo de caso visando a análise do acesso, utilização e aceitação dos serviços de dermatologia de um Centro de Saúde Escola (CSE), envolvendo principalmente a história oral narrada por 27 hansenianos. O acesso ao CSE - na sua vertente organizativa - ocorreu sem obstáculos, excetuando-se porém, o atendimento em serviços de retaguarda. A utilização dos serviços foi maior que o padrão estabelecido face ao atendimento prestado a episódios próprios ou não da hanseníase. A aceitação dos serviços recebidos foi consensual, destacando-se os atributos técnicos e de relacionamento interpessoal.
Palavra-chave health administration services
health services evaluation
hansen's disease
administração de serviços de saúde
avaliação de serviços de saúde
hanseníase
Idioma Português
Data de publicação 1993-07-01
Publicado em Revista Latino-Americana de Enfermagem. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo, v. 1, n. 2, p. 53-67, 1993.
ISSN 0104-1169 (Sherpa/Romeo)
Publicador Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo
Extensão 53-67
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11691993000200005
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0104-11691993000200005 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/320

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0104-11691993000200005.pdf
Tamanho: 116.3KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta