Potenciais evocados auditivos de média e longa latências em adultos com AIDS

Potenciais evocados auditivos de média e longa latências em adultos com AIDS

Título alternativo Middle and late latency auditory evoked potentials in adults with AIDS
Autor Matas, Carla Gentile Autor UNIFESP Google Scholar
Juan, Kleber Ramos De Google Scholar
Nakano, Renata Agnello Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade de São Paulo (USP)
Resumo BACKGROUND: middle and late latency auditory evoked potentials. AIM: to verify the occurrence of middle and late latency auditory evoked potentials disorders in adults with Acquired Immunodeficiency Syndrome (AIDS). METHOD: middle and late latency auditory evoked potentials of 8 individuals with AIDS, with ages ranging from 10 to 51 years, with normal hearing, or with sensoryneural hearing losses up to moderate, and normal results in the Auditory Brainstem Response, comparing the results with the responses obtained for a control group which was composed by 25 individuals, with ages ranging from 19 to 24 years, with no hearing complaints and with normal hearing and normal results in the Auditory Brainstem Response. RESULTS: the Pa wave latency and amplitude averages in the C3/A2 and C4/A1 modalities, and the average of the P300 wave were analyzed. No significant differences were observed in the Pa wave amplitude and latency averages between the groups, although a non-statistically significant increase was observed in the latency and a decrease in the amplitude of such wave for the research group in the C3/A2 modality. The latency of the P300 wave was significantly longer to the left for the research group. It was also observed a longer latency to the right, although this was not statistically significant. CONCLUSION: adult individuals with AIDS do not present alterations in the middle latency auditory evoked potential and do present alterations in the cognitive potential, indicating a disorder in the cortical regions of the auditory pathway and a deficit in the cognitive processing of auditory information for this population. Such findings stress the importance of a careful investigation of the auditory function of individuals with AIDS, thus favoring the therapeutic planning.

TEMA: potenciais evocados auditivos de média e longa latências. OBJETIVO: verificar a ocorrência de alterações nos potenciais evocados auditivos de média e longa latências em indivíduos adultos portadores da síndrome da imunodeficiência adquirida (AIDS). MÉTODO: foram obtidos os potenciais evocados auditivos de média e longa latências em oito indivíduos com AIDS, de 10 a 51 anos de idade, que apresentavam audição normal ou até perda auditiva neurossensorial de grau moderado e resultados normais na Audiometria de Tronco Encefálico, comparando os resultados com os obtidos no grupo controle constituído por 25 indivíduos, de 19 a 24 anos de idade, sem queixas auditivas e com audição dentro da normalidade, bem como com resultados normais na Audiometria de Tronco Encefálico. RESULTADOS: foram analisadas as médias das latências e amplitudes da onda Pa, nas modalidades contralaterais C3/A2 e C4/A1, e da latência da onda P300. Não foram observadas diferenças estatisticamente significantes com relação às médias da amplitude e latência da onda Pa entre os grupos, embora tenha sido observado um aumento da latência e diminuição da amplitude de tal onda, ainda que não estatisticamente significante, para o grupo estudo na modalidade C3/A2. A latência da onda P300 mostrou-se significantemente aumentada para o lado esquerdo no grupo estudo, sendo também possível observar um aumento da latência, embora não estatisticamente significante, para o lado direito. CONCLUSÃO: indivíduos adultos com AIDS não apresentam alterações no potencial evocado auditivo de média latência e apresentam alterações no potencial cognitivo sugerindo, desta forma, comprometimento da via auditiva em regiões corticais e déficit no processamento cognitivo das informações auditivas nesta população. Tais achados reforçam a importância de uma investigação minuciosa da função auditiva em indivíduos com AIDS auxiliando, desta forma, no delineamento da conduta terapêutica junto a estes pacientes.
Palavra-chave Auditory Evoked Potentials
P300 Event-Related Potentials
Acquired Immunodeficiency Syndrome
Potenciais Evocados Auditivos
Potencial Evocado P300
Síndrome da Imunodeficiência Adquirida
Idioma Português
Data de publicação 2006-08-01
Publicado em Pró-Fono Revista de Atualização Científica. Pró-Fono Produtos Especializados para Fonoaudiologia Ltda., v. 18, n. 2, p. 171-176, 2006.
ISSN 0104-5687 (Sherpa/Romeo)
Publicador Pró-Fono Produtos Especializados para Fonoaudiologia Ltda.
Extensão 171-176
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0104-56872006000200006
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0104-56872006000200006 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3190

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0104-56872006000200006.pdf
Tamanho: 398.1KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta