Use of the histopathology in the differential diagnosis of drowning in fresh and salty water: an experimental model establishment in rats

Use of the histopathology in the differential diagnosis of drowning in fresh and salty water: an experimental model establishment in rats

Título alternativo Uso da histopatologia no diagnóstico diferencial de afogamento em água doce e água salgada: estabelecimento de modelo experimental em ratos
Autor Locali, Rafael Fagionato Autor UNIFESP Google Scholar
Almeida, Marcos de Autor UNIFESP Google Scholar
Oliveira-Júnior, Itamar Souza Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: To develop a method of differential diagnosis to drowning, due to analysis of the alveolar macrophages quantitative, in rats submitted to induced drowning in fresh water and salty water. METHODS: Were used 15 male adult rats Wistar EPM-1, weight 360g (SD=21,3), randomized in three groups: G1- Control; G2- Fresh water; G3- Salty water, each one with n=5. The animals have been anesthetized and tracheostomized to insert a cannula inside the trachea, for drowning induction. The lungs have been removed, weighed, prepared for histology and colored by immunohistochemistry. The macrophages have been counted in both lungs (right and left) of each animal. The statistical test used was ANOVA (SPSS.10) with p<0,05. RESULTS: The amount of macrophages was G3>G2>G1 with p=0,0001 in each comparison. The weight of lungs of G3 and G2 was higher than G1, with p>0,0001, however G3 and G2 do not possess difference statistics in the weight of lungs. CONCLUSION: The developed diagnostic method was efficient in rats. The results, if expanded, will be able to assist the Forensic Pathology for technique of low cost and high trustworthiness.

OBJETIVO: Desenvolver um método de diagnóstico diferencial de afogamento, pela análise quantitativa dos macrófagos alveolares, em ratos submetidos à afogamento induzido em água doce e água salgada. MÉTODOS: Foram utilizados 15 ratos adultos, machos Wistar EPM-1, pesando 360g (DP=21,3), randomizados em três grupos: G1 - controle; G2 - Água doce; G3 - Água salgada, cada um com n=5. Os animais foram anestesiados e traqueostomizados para inserção de uma cânula endotraqueal, para indução do afogamento. Os pulmões foram removidos, pesados, preparados para histologia e corados por imunohistoquímica. Os macrófagos foram contados em ambos os pulmões (direito e esquerdo) de cada animal. O teste estatístico utilizado foi o ANOVA (SPSS.10) com p<0,05. RESULTADOS: A quantidade de macrófagos foi G3>G2>G1 com p=0,0001, entretanto, G3 e G2 não possuem diferença estatística no peso dos pulmões. CONCLUSÃO: O método diagnóstico desenvolvido foi eficiente em ratos. Os resultados, se expandidos, serão capazes de auxiliar a Patologia Forense por uma técnica de baixo custo e alta confiabilidade.
Palavra-chave Drowning
Macrophages, Alveolar
Diagnosis, Differential
Rats
Afogamento
Macrófagos Alveolares
Diagnóstico Diferencial
Ratos
Idioma Inglês
Data de publicação 2006-08-01
Publicado em Acta Cirurgica Brasileira. Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia, v. 21, n. 4, p. 203-206, 2006.
ISSN 0102-8650 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia
Extensão 203-206
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0102-86502006000400003
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0102-86502006000400003 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3184

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0102-86502006000400003.pdf
Tamanho: 141.7KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta