Diminuição do sangramento pós-operatório produzido pela heparina, após aplicação tópica de adenosina trifosfato (ATP) em cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea

Diminuição do sangramento pós-operatório produzido pela heparina, após aplicação tópica de adenosina trifosfato (ATP) em cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea

Título alternativo ATP reduce blood lost produced by heparin in cadiopulmonary bypass operation
Autor Hermínio, Vega Autor UNIFESP Google Scholar
Nader, Helena Bonciani Autor UNIFESP Google Scholar
Dietrich, Carl Peter Autor UNIFESP Google Scholar
Buffolo, Enio Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo It was previously shown that topical application of heparin produces enhanced bleeding from small vesseis and capillaries. Adenosine triphosphate at low concentrations is able to disalodge heparin bound to a receptor, counteracting its antihemostatic activity. This results led us to measure the amounts of heparin remaining in the blood after protamine neutralization of the patients subjected to cardiopulmonary bypass operation and to test the topical application of the nucleotide denosine triphosphate at a concentration of 10-4 mol/L significantly reduces the blood volume (p<0,005) oozed from the thoracic cavity of the patients (mean 288 ± 188 ml) when compared with controls (mean 564 ± 288 ml). Adenosine triphosphate at 5 X 10-5 mol/L reduces the blood loss to a mean of 370 ± 155 ml in the patients tested (p<0.08). About 10% of heparin of low molecular weight (< 6.0 Kda), which is also found in the oozed blood, is not neutralized by protamine. We suggest that the excessive blood loss of the patients is probably produced by low molecular weight heparins in the commercial preparations that are not neutralized by protamine.

A concentração de heparina doi determinada no sangue de pacientes submetidos a cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea, antes e depois da sua neutralização com protamina. Determinouse também a quantidade de heparina no sangue coletado dos drenos da cavidade torácica 12 horas após a operação. Cerca de 15% da heparina, a despeito de um tempo de coagulação normal, permanece na circulação após a administração de protamina, e também é encontrada no sangue coletado dos drenos da cavidade torácica. O peso molecular médio dessa heparina circulante, bem como da encontrada nos drenos torácicos, foi ao redor de 7 KiloDaltons (KDa), comparando ao de 15 KDa da heparina dosada no sangue antes da sua neutralização pela protamina. Graças a achados anteriores de que as heparinas de baixo peso molecular, responsáveis pelo sangramento da ferida operatória, podem ser neutralizadas por trifosfato de adenosina (ATP)4, a cavidade torácica de pacientes consecutivos e não selecionados, divididos em 3 grupos de 15, foi lavada com diferentes concentrações, ou de ATP (10-5, 5 x 10-4 M) ou com protamina, ou, ainda, apenas com solução fisiológica (grupo controle). Observou-se uma curva dose-resposta linear entre a diminuição do sangramento com o aumento da dose da ATP utilizada. ATP, numa concentração de 10-4 M, diminuiu significativamente o volume de sangue drenado da cavidade torácica dos pacientes (média de 288 ± 188 ml), quando comparado ao grupo que recebeu protamina (média de 496 ± 210 ml), e ao grupo controle (média 564 ± 288 ml) (p < 0,05). ATP numa concentração de 5 x 10 -5 M reduziu as perdas sangüíneas a 370 ± 155 ml dos pacientes (p < 0,08). A média de sangramento, no total dos pacientes que receberam ATP, foi de 314 ± 170 ml (p < 0,08).
Palavra-chave bleeding in heart surgery
sangramento em cirurgia cardíaca
Idioma Português
Data de publicação 1993-06-01
Publicado em Revista Brasileira de Cirurgia Cardiovascular. Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular, v. 8, n. 2, p. 91-96, 1993.
ISSN 0102-7638 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular
Extensão 91-96
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0102-76381993000200003
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0102-76381993000200003 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/315

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0102-76381993000200003.pdf
Tamanho: 1.483MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta