Comparison between endoscopic brush cytology performed before and after biliary stricture dilation for cancer detection

Comparison between endoscopic brush cytology performed before and after biliary stricture dilation for cancer detection

Título alternativo Comparação entre citologia por escovado endoscópico realizada antes e depois da dilatação das estenoses biliares para detecção de câncer
Autor Ornellas, Laura Cotta Google Scholar
Santos, Gilda Da Cunha Autor UNIFESP Google Scholar
Nakao, Frank Shigueo Google Scholar
Ferrari, Angelo Paulo Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Department of Gastroenterology
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo BACKGROUND: Confirmation of malignancy within biliary strictures is endoscopically challenging. Dilation of strictures has been reported to enhance cytological diagnosis. AIM: To compare brush cytology results before and after biliary stricture dilation. PATIENTS AND METHODS: Patients with extra-hepatic biliary stricture at endoscopic retrograde cholangiopancreatography were included in the study. Brushing was performed before and immediately after dilation using a 10 Fr dilating catheter. Cytology samples were classified as: negative for malignancy, presence of atypical cells, insufficient material, suspicious for malignancy or positive for malignancy. Final diagnosis was established by surgery, biopsy or follow-up. RESULTS: Biliary brush cytology was performed in 50 patients, with an overall sensitivity of 40% and 27.5%, before and after dilation, respectively. The combination of results increased cancer detection rate to 45%. There were 5/50 (10%) minor complications and one death related to the procedure. CONCLUSIONS: Brush cytology performed before biliary stricture dilation has a similar cancer detection rate to that following dilation, although the combination of results enhances sensitivity.

RACIONAL: A citologia por escovado apresenta baixa sensibilidade na detecção de câncer em estenoses biliares, mas manipulação endoscópica prévia poderia aumentar a esfoliação de células tumorais. OBJETIVO: Comparar os resultados dos escovados obtidos antes e depois da dilatação de estenoses biliares. PACIENTES E MÉTODOS: Pacientes com estenose biliar extra-hepática diagnosticada durante colangiopancreatografia endoscópica retrógada foram submetidos a citologia por escovado. Em seguida, a estenose foi dilatada com cateter de 10 French e o escovado foi repetido. A citologia foi classificada como: negativa para malignidade, presença de células atípicas, material insuficiente, suspeita para malignidade ou positiva para malignidade. O diagnóstico final foi determinado por cirurgia, biopsia ou acompanhamento clínico. RESULTADOS: O escovado biliar foi obtido em 50 pacientes, com sensibilidade de 40% e 27,5%, respectivamente, antes e depois da dilatação. A combinação dos resultados aumentou a positividade para 45%. Houve 5/50 (10%) complicações menores e um óbito relacionado ao procedimento. CONCLUSÕES: A positividade do escovado biliar realizado antes de dilatar a estenose para detecção de neoplasia maligna é semelhante àquela obtida depois da dilatação, embora a combinação dos resultados aumente a sensibilidade.
Palavra-chave Cytological techniques
Balloon dilatation
Cholangiopancreatography, endoscopic retrograde
Bile duct neoplasms
Pancreatic ducts
Técnicas citológicas
Dilatação com balão
Pancreatocolangiografia retrógrada endoscópica
Neoplasia das vias biliares
Ductos pancreáticos
Idioma Inglês
Financiador Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Data de publicação 2006-03-01
Publicado em Arquivos de Gastroenterologia. Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia - IBEPEGE Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva - CBCD Sociedade Brasileira de Motilidade Digestiva - SBMD Federação Brasileira de Gastroenterologia - FBGSociedade Brasileira de Hepatologia - SBHSociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva - SOBED, v. 43, n. 1, p. 20-23, 2006.
ISSN 0004-2803 (Sherpa/Romeo)
Publicador Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia - IBEPEGE Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva - CBCD Sociedade Brasileira de Motilidade Digestiva - SBMD Federação Brasileira de Gastroenterologia - FBGSociedade Brasileira de Hepatologia - SBHSociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva - SOBED
Extensão 20-23
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-28032006000100007
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-28032006000100007 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2960

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-28032006000100007.pdf
Tamanho: 192.0KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta