Posição de consenso da Sociedade Brasileira de Diabetes: insulinoterapia intensiva e terapêutica com bombas de insulina

Posição de consenso da Sociedade Brasileira de Diabetes: insulinoterapia intensiva e terapêutica com bombas de insulina

Título alternativo Brazilian Diabetes Society consensus statement: intensive insulin therapy and insulin pump therapy
Autor Malerbi, Domingos Google Scholar
Damiani, Durval Google Scholar
Rassi, Nelson Google Scholar
Chacra, Antonio Roberto Autor UNIFESP Google Scholar
Niclewicz, Edgar D'avila Google Scholar
Silva Filho, Ruy Lyra Da Google Scholar
Dib, Sergio Atala Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Sociedade Brasileira de Diabetes
Universidade de São Paulo (USP)
Hospital Geral de Goiânia
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade Federal do Paraná
Universidade Federal de Pernambuco
Resumo This article reports the Brazilian Diabetes Society consensus statement on intensive insulin therapy and insulin pump therapy, arrived at during an update symposium held in 2003 for this specific purpose. The concepts underlying these modalities of diabetes treatment are outlined, their fundaments are given, and practical issues about their indications, feasibility, limits, techniques and cost-benefit relationships are analyzed. The techniques comprise the suggested self-monitoring schedules and the insulin doses, types, forms of administration and correction factors used in each modality of intensive treatment, for both type 1 and 2 diabetes. The roles of SBD in the implementation of these treatments and of the different professionals involved are discussed and commented. The conclusions are based on consensual answers to some orienting questions formulated during the symposium's presentation.

Este artigo relata a posição de consenso da Sociedade Brasileira de Diabetes sobre a insulinoterapia intensiva e a terapêutica com bombas de infusão de insulina, obtida durante simpósio de atualização realizado especificamente para esta finalidade, em 2003. Estas modalidades de tratamento do diabetes são aqui conceituadas, seus fundamentos são colocados, e os aspectos práticos de indicações, exeqüibilidade, limites, técnicas e relação custo-benefício são analisados. As técnicas envolvem os esquemas de auto-monitorização glicêmica sugeridos e as doses, tipos, formas de administração da insulina e fatores de cálculo utilizados em cada modalidade de tratamento intensivo, tanto no DM1 quanto no DM2. O papel da SBD na implementação dos tratamentos intensivos do diabetes e a atuação dos vários profissionais envolvidos são discutidos e comentados. Conclui-se com as respostas de consenso a questões orientadoras do tema, formuladas na apresentação do simpósio.
Palavra-chave Diabetes
Self-monitoring
Multiple-dose insulin therapy
Insulin pumps
Diabetes
Auto-monitorização
Insulinoterapia intensiva
Bombas de insulina
Idioma Português
Data de publicação 2006-02-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia. Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, v. 50, n. 1, p. 125-135, 2006.
ISSN 0004-2730 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia
Extensão 125-135
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27302006000100018
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27302006000100018 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2902

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27302006000100018.pdf
Tamanho: 87.83KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta