Avaliação da sensibilidade ao contraste e da estereopsia em pacientes com lente intra-ocular multifocal

Avaliação da sensibilidade ao contraste e da estereopsia em pacientes com lente intra-ocular multifocal

Título alternativo Contrast sensitivity and stereopsis in pseudophakic patients with multifocal intraocular lens
Autor Oliveira, Filipe de Autor UNIFESP Google Scholar
Muccioli, Cristina Autor UNIFESP Google Scholar
Silva, Luci Meire Pereira da Autor UNIFESP Google Scholar
Soriano, Eduardo Sone Autor UNIFESP Google Scholar
Souza, Carlos Eduardo Borges Autor UNIFESP Google Scholar
Belfort, Rubens Junior Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: To evaluate the contrast sensitivity and stereopsis tests in patients who underwent bilateral implantation of multifocal intraocular lens. METHODS: Tests of contrast sensitivity using the Pelli-Robson chart and stereopsis evaluation with the Titmus Stereo Test were performed in 20 patients 30-60 days after the bilateral implantation of Acrysof Restor® multifocal intraocular lens. RESULTS: The binocular contrast sensitivity test demonstrated that 6 patients (30%) presented 1.80 log units, 13 (65%) 1.65 and in only 1 (5%) the sensitivity was 1.50 log units. By the other hand, the monocular test in right eye showed 17 patients (85%) with 1.65 log units and 3 (15%) with 1.50. In the left eye, the test presented 16 patients (80%) with 1.65 log units and 4 (20%) with 1.50 log units. The average and the standard deviation of the contrast sensitivity were 1.63 (±0.05) for right eye, 1.62 (±0.06) for left eye and 1.69 (±0.08) for binocular test. Stereopsis test disclosed 12 patients (60%) presenting 40, 6 (30%) 50 and only 2 (10%) 60 (average: 45 and standard deviation: 6.88). CONCLUSIONS:The Acrysof Restor® intraocular lens provided results of contrast sensitivity and stereopsis in accordance with the criteria of normality established previously in other studies for phakic and pseudophakic patients. Therefore, this intraocular lens does not decrease visual functionality.

OBJETIVO: Avaliar a sensibilidade ao contraste e a acuidade estereoscópica em pacientes pseudofácicos, que receberam implante bilateral de lente intra-ocular multifocal. MÉTODOS: Prospectivamente foram realizados testes de sensibilidade ao contraste com o uso da tabela Pelli-Robson e teste de acuidade estereoscópica com emprego do Titmus Stereo Test, em 20 pacientes com implante bilateral de lente intra-ocular multifocal Acrysof Restor®, no pós-operatório de 1 a 2 meses e sem uso de qualquer correção óptica. RESULTADOS:O teste de sensibilidade ao contraste binocular demonstrou que 6 pacientes (30%) apresentaram 1,80 unid. log, 13 (65%) 1,65 e 1 (5%) 1,50. No teste monocular, ocorreram as seguintes respostas: 17 pacientes (85%) 1,65 unid. log e 3 (15%) 1,50 para o teste do olho direito. O teste do olho esquerdo mostrou que 16 pacientes (80%) apresentaram 1,65 unid. log e 4 (20%) 1,50. A média e o desvio-padrão da sensibilidade ao contraste testada binocularmente foi 1,69 (±0,08), ao passo que monocularmente foi 1,63 (±0,05) para OD e 1,62 (±0,06) para OE. O teste de acuidade estereoscópica revelou que 12 pacientes (60%) obtiveram 40, 6 (30%) 50 e 2 (10%) 60, com média de 45 e desvio-padrão de ±6,88. CONCLUSÃO: A lente intra-ocular empregada no estudo, proporcionou resultados de sensibilidade ao contraste e acuidade estereoscópica compatíveis e de acordo com critérios de normalidade estabelecidos anteriormente por outros estudos em grupos de pacientes fácicos e pseudofácicos, e portanto, impacto positivo na funcionalidade visual.
Palavra-chave Contrast Sensitivity
Depth Perception
Pseudophakia
Lens Implantation, Intraocular
Lenses, Intraocular
Cataract
Sensibilidades de contraste
Percepção de profundidade
Pseudofacia
Implante de lente intra-ocular
Lentes intra-oculares
Catarata
Idioma Português
Data de publicação 2005-08-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 68, n. 4, p. 439-443, 2005.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo)
Publicador Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 439-443
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492005000400005
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27492005000400005 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2632

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27492005000400005.pdf
Tamanho: 93.65KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta