Acoustic voice assessment in Parkinson's disease patients submitted to posteroventral pallidotomy

Acoustic voice assessment in Parkinson's disease patients submitted to posteroventral pallidotomy

Título alternativo Parametros acústicos da voz em pacientes com doença de Parkinson submetidos a palidotomia posteroventral
Autor Mourão, Lucia Figueiredo Autor UNIFESP Google Scholar
Aguiar, Patrícia Maria de Carvalho Autor UNIFESP Google Scholar
Ferraz, Fernando Antônio Patriani Autor UNIFESP Google Scholar
Behlau, Mara Autor UNIFESP Google Scholar
Ferraz, Henrique Ballalai Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade Metodista de Piracicaba
Resumo Long-term complications in levodopa treated Parkinson's disease (PD) patients caused a resurgence of interest in pallidotomy as an option of treatment. However, postoperative complications such as speech disorders can occur. PURPOSE: The aim of this study is to evaluate the acoustic voice in PD patients, before and after posteroventral pallidotomy. METHOD: Twelve patients with PD were submitted to neurological and voice assessments during the off and on phases, in the pre-operative, 1st and 3rd post-operative months. The patients were evaluated with the UPDRS and the vocal acoustic parameters - f0, NHR, jitter, PPQ, Shimmer, APQ (using the software MultiSpeech - Kay Elemetrics - 3700). RESULTS: The off phase UPDRS scores revealed a tendency to improvement at the 1st month and the off phase worsened. The shimmer and APQ improved. CONCLUSION: This study shows that pallidotomy has little improvement on functional use of communication of PD patients.

O uso prolongado da levodopa na doença de Parkinson (DP) pode ocasionar alterações em seu rendimento e possibilitou o interesse no ressurgimento da palidotomia. Contudo, complicações pós-operatórias podem ocorrer. OBJETIVO: O presente estudo tem por objetivo avaliar alguns parâmetros acústicos da voz de pacientes com DP pré e pós a realização da palidotomia posteroventral METODO: foram avaliados 12 pacientes com PD submetidos a avaliação neurológica e da voz durante as fases off e on do uso da levodopa, nos momentos pré-operatório, no primeiro e no terceiro mês pós-operatório. Os pacientes foram avaliados com base na escala UPDRS - item motor - e por meio dos parâmetros acústicos da voz - f0, NHR, jitter, PPQ, Shimmer, APQ (usando o software MDVP - Kay Elemetrics - 3700). RESULTADOS: Na fase off o escore UPDRS revelou tendência de melhora no 1º pós-operatório e na fase on piora. Os parâmetros acústicos shimmer e APQ apresentaram melhora. CONCLUSÃO: Este estudo mostrou que a palidotomia resulta em discreta melhora no uso funcional da comunicação dos pacientes com DP.
Palavra-chave Parkinson's disease
pallidotomy
voice
doença de Parkinson
palidotomia
voz
Idioma Inglês
Data de publicação 2005-03-01
Publicado em Arquivos de Neuro-Psiquiatria. Academia Brasileira de Neurologia - ABNEURO, v. 63, n. 1, p. 20-25, 2005.
ISSN 0004-282X (Sherpa/Romeo)
Publicador Academia Brasileira de Neurologia - ABNEURO
Extensão 20-25
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-282X2005000100004
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-282X2005000100004 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2451

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-282X2005000100004.pdf
Tamanho: 78.22KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta