Associação do eletrocardiograma com o diabetes mellitus e a síndrome metabólica em nipo-brasileiros

Associação do eletrocardiograma com o diabetes mellitus e a síndrome metabólica em nipo-brasileiros

Título alternativo Relationship between eletrocardiogram with diabetes mellitrus and metabolic syndrome in Japanese-Brazilians
Autor Brollo, Luigi Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Póvoa, Rui Manuel dos Santos Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Medicina (cardiologia) - São Paulo
Resumo Objetivo: Analisar a presença de necrose miocárdica e hipertrofia ventricular esquerda (HVE) pelo ECG e sua relação com DM e SM em população de nipo-brasileiros. Métodos: Estudo transversal que avaliou 1042 nipo-brasileiros acima de 30 anos, 202 nascidos no Japão (isseis) e 840 nascidos no Brasil (nisseis), provenientes da segunda fase do estudo Japanese-Brazilian Diabetes Study Group iniciado em 2000. A SM foi definida pelos critérios da NCEP-ATP III modificados para os japoneses. A presença de DM e SM se associou ao encontro de necrose miocárdica pelo critério de Minnesota e de HVE pelo critério de Perugia no ECG. Utilizou-se o método estatístico do quiquadrado e t pareado para rejeição da hipótese de nulidade. Resultados. Dos 1042 participantes 35,3% tinham DM (38,6% entre os isseis e 34,5% nos nisseis); 51,8% tinham SM (59,4% nos isseis e 50,0% nos nisseis). A presença de zona inativa nos isseis diabéticos não foi estatisticamente significante quando comparada com os não diabéticos, porém entre os nisseis diabéticos a zona inativa estava presente em 7,5%. Houve correlação estatisticamente significante entre a SM e HVE nos isseis e nisseis. Conclusões: Distúrbios metabólicos tiveram alta prevalência em nipo-brasileiros com correlações significantes com necrose e hipertrofia pelo ECG.

Objective: To analyze the presence of myocardial necrosis and left ventricular hypertrophy (LVH) using ECG and their relationship with DM and MS in a population of Japanese-Brazilians. Methods: Transversal study which evaluated 1042 JapaneseBrazilians over 30 years old, 202 born in Japan (isei) and 840 born in Brazil (nisei) from the second phase of the Japanese-Brazilian Diabetes Study Group initiated in 2000. MS was defined according to the NCEP-ATP III criteria modified for the Japanese. DM and MS were associated with the presence of myocardial necrosis according to the Minnesota criterion and of LVH according the Perugia criterion in ECG. The statistic chi square method was used to reject the null hypothesis. Results: Of the 1042 participants 35.3% had DM (38.6% of the isseis and 34.5% of the nisseis); 51.8% had MS (59.4% of the isei and 50.0% of the nisei). The presence of an inactive zone in the diabetic isei was not statistically significant when compared to the non diabetic, but among the diabetic nisei the inactive zone was present in 7.5%. There was a statistically significant correlation between MS and LVH in isei and nisei. Conclusion: Metabolic disorders presented a high prevalence in Japanese-Brazilians with significant correlations with necrosis and hypertrophy in ECG.
Palavra-chave Síndrome metabólica
Diabetes mellitus
Necrose miocárdica
Hipertrofia ventricular esquerda
Nipo-brasileiros
Idioma Português
Financiador Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Data de publicação 2008
Publicado em BROLLO, Luigi. Associação do eletrocardiograma com o diabetes mellitus e a síndrome metabólica em nipo-brasileiros. 2008. 75 f. Tese (Doutorado em Ciências) – Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo, São Paulo, 2008.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 75 f.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/24118

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-24118.pdf
Tamanho: 376.7KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta