Vínculo mãe/filho de mães de crianças com excesso de peso e eutróficas

Vínculo mãe/filho de mães de crianças com excesso de peso e eutróficas

Título alternativo Mother/child bond of over-weight and well-nourished children: influence of psychological socioecomomic factors
Autor Spada, Patricia Vieira Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Nóbrega, Fernando José de Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Verificar em maes de criancas com excesso de peso e eutroficas: condicao economica, idade, escolaridade, ocupacao, estado civil, numera de filhos, presenca de ansiedade e de depressao, condicao nutricional da dupla, e relacionar com o vinculo mae/filho bem como conhecer alguns fatores referentes a historia de vida materna que podem comprometer o vinculo com seu filho. Metodos: Realizou-se estudo transversal com 120 maes de criancas ate dez anos: 60 maes constituiram o estudo de caso e foram divididas em: 30 maes de criancas com excesso de peso de alta condicao economica e 30 maes de criancas com excesso de peso de baixa condicao economica. As outras 60 maes fizeram parte do grupo controle e foram divididas em: 30 maes de criancas eutroficas de baixa condicao economica e 30 maes de criancas eutroficas de alta condicao economica. 0 grupo controle foi pareado por sexo, idade, escolaridade, condicao economica. A coleta dos dados foi realizada por meio de entrevistas. Instrumentos para avaliacao: Protocolo de Avaliacao do Vinculo Mae/Filho, Beck e Idate. Classificacao nutricional materna: IMC e das criancas de acordo com Jeliffe. Analise estatistica: Teste de Mc Nemar, Teste do Quiquadrado, Teste Exato de Fisher e G de Cochran. Nivel de rejeicao da hipotese de nulidade: 5 por cento. Resultados: Em relacao ao vinculo mae/filho, em ambas condicoes economicas e nutricionais houve mais de 66,0 por cento de comprometimento. Maes de criancas com excesso de peso de alta condicao economica - com emprego - apresentaram mais comprometimento no vinculo (86,4 por cento) do que maes nas mesmas condicoes, porem, sem emprego (37,5 por cento). Comparando-se todas as maes, aquelas com criancas eutroficas de baixa condicao economica com &#61619;3 filhos tambem apresentaram mais comprometimento no vinculo. Nao houve resultado significante entre ansiedade e as variaveis: vinculo mae/filho, escolaridade, estado civil, ocupacao, numero de filhos e idade de maes de criancas eutroficas e com excesso de peso de baixa e alta condicao economica. Maes eutroficas de criancas com excesso de peso de alta condicao economica apresentaram mais ansiedade (91,7 por cento) que maes com excesso de peso de mesma condicao economica e com filhos com excesso de peso (50 por cento). Maes de criancas eutroficas (baixa condicao economica) com <3 filhos apresentaram mais ansiedade (90 por cento) que maes com &#61619; 3 filhos (45 por cento). Em relacao a depressao, nao houve resultado significante entre esse transtorno e escolaridade, estado...(au)
Palavra-chave Relações Mãe-Filho
Obesidade
Criança
Fatores Socioeconômicos
Mother-Child Relations
Obesity
Child
Socioeconomic Factors
Idioma Português
Data de publicação 2007
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2007. 151 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 151 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/23598

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta