Programas de treinamento físico aeróbio para as saúdes física e psicossocial em adultos com síndrome de Down: revisão sistemática

Programas de treinamento físico aeróbio para as saúdes física e psicossocial em adultos com síndrome de Down: revisão sistemática

Título alternativo Aerobic exercise training programmes for improving physical and psychosocial health in adults with Down syndrome: systematic review
Autor Andriolo, Regis Bruni Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Silva, Edina Mariko Koga da Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo
Pós-graduação Saúde baseada em evidências - São Paulo
Resumo Contexto: Embora seja amplamente aceito que a atividade fisica contribui para melhorias das Saúdes fisica e psicossocial, ha uma carencia de informacoes sobre a efetividade e a seguranca de programas de exercicio aerobio para adultos com sindrome de Down. Objetivos: Avaliar a efetividade e a seguranca de programas de exercicio aerobio para as Saúdes fisica e psicossocial de adultos com sindrome de Down. Metodos: Revisao sistematica de ensaios clinicos aleatorios testando programas de exercicio aerobio isolado supervisionados, com intervencoes comportamentais aceitas como co-intervencoes, nas quais descritores e sinonimos para exercicio aerobio e sindrome de Down foram usados nas seguintes bases de dados eletronicas, ate dezembro de 2006: CENTRAL; MEDLlNE via PUBMED; EMBASE; CINAHL; LlLACS; PsyclNFO; ERIC; CCT; Academic Search Elite, C2¬SPECTR, NRR, ClinicaITrials.gov, e suplementos do Med. Sci. Sports Exerc.. Dois revisores selecionaram, avaliaram a qualidade metodologica e extrairam os dados de estudos considerados relevantes. Resultados: Foram incluidos dois estudos que utilizaram remo e caminhada/corrida. A metanalise demonstrou que houve melhora significativa somente no grau atingido na esteira (capacidade de trabalho fisico) no grupo tratado com programas de exercicios aerobios (DMP 4.26 graus [IC95 por cento 2.06, 6.45]). Os ensaios nao demonstraram melhorias significativas em outras areas, incluindo variaveis de capacidade cardiorrespiratoria, estresse oxidativo e composicao corporal. Conclusoes: A partir da presente revisao, nao foi possivel observar evidencias suficientes que apoiem a melhora dos aspectos fisicos e psicossociais proporcionada pelo exercicio fisico aerobio isolado em adultos com sindrome de Down. Embora exista alguma evidencia de efeitos positivos a partir de programas de treinamento mistos, ainda sao necessarios estudos bem-conduzidos que examinem outros aspectos, como seguranca e custos, antes que decisoes definitivas sejam tomadas

Background: Although physical fitness has been suggested to improve physical and psychosocial health for a variety of population profiles, there is a lack of information about the safety and effectiveness of aerobic exercise for adults with Down syndrome. Objectives: To evaluate the effectiveness and safety of aerobic exercise training programmes for physiological and psychosocial outcomes in adults with Down syndrome. Methods: Systematic review of randomized controlled trials testing for supervised aerobic exercise training programmes with behavioral components accepted as co-interventions where search terms and synonyms for "aerobic exercise" and "Down syndrome" were used within the following databases to December 2006: CENTRAL; MEDLINE via PUBMED; EMBASE; CINAHL; LILACS; PsycINFO; ERIC; CCT; Academic Search Elite, C2- SPECTR, NRR, ClinicalTrials.gov and within supplements of Med. Sci. Sports Exerc.. Two reviewers selected relevant trials, assessed methodological quality and extracted data. Results: The two studies included in this study used walking/jogging and rowing training. In the meta-analyses, only maximal treadmill grade, a work performance variable, was improved in the intervention group after aerobic exercise training programmes (4.26 [95% CI 2.06, 6.45]) grade. Trials reported no significant improvements in other measures including physiological, oxidative stress and body composition variables. Conclusions: There is insufficient evidence to support improvement in physical or psychosocial outcomes of aerobic exercise in adults with Down syndrome. Although evidence exists which supports improvements in physiological and psychological aspects from strategies using mixed physical activity programmes, well-conducted research which examines long-term physical outcomes, safety, psychosocial outcomes and costs are required before informed practice decisions can be made.
Palavra-chave Exercício
Síndrome de Down
Saúde da pessoa com deficiência
Educação física e treinamento
Idioma Português
Financiador Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Data de publicação 2007
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2007. 110 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 110 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/23471

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-23471.pdf
Tamanho: 877.5KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta