Valor diagnóstico da expressão das proteínas dos genes DCC(deleted Colon Cancer), c-erbB-2 e da angiogênese, através do estudo imunohistoquímico, em doentes portadores de adenocarcinoma gástrico distal submetidos a gastrectomia subtotal

Valor diagnóstico da expressão das proteínas dos genes DCC(deleted Colon Cancer), c-erbB-2 e da angiogênese, através do estudo imunohistoquímico, em doentes portadores de adenocarcinoma gástrico distal submetidos a gastrectomia subtotal

Título alternativo Prognostic value of the expression of de DCC(deleceted colon cancer), c-erbB-2 oncoproteins and the angiogenesis, of the immunohistochemical study, in patients with adenocarcinoma distal of the stomach submitted to the subtotal gastrectomy
Autor Machado, Magali da Silva Sanches Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Lopes Filho, Gaspar de Jesus Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Avaliar o significado prognostico e a correlacao com as alteracoes histopatologicas da expressao das proteinas c-erbB-2 e DCC e angiogenese atraves da contagem da microdensidade vasa I tumoral, em doentes com adenocarcinoma gastrico distal e submetidos a gastrectomia subtotal. Metodos: Foram estudados 83 doentes, atendidos e operados no Hospital São Paulo, com dados obtidos no arquivo da UNIFESP- Escola Paulista de Medicina, Disciplina de Gastroenterologia Cirurgica, que foram submetidos a tratamento cirurgico. A amostra constitui-se de 35 mulheres e 48 homens, com a media da idade em 60 anos, variando de 27 a 86 anos. A expressao tissular dos marcadores moleculares foi avaliada com a utilizacao de anticorpo monoclonal, pela tecnica da estreptavidina-biotina. Os cortes histologicos do tecido tumoral foram preservados em parafina. A imunoexpressao da proteina do gene DCC e da proteina c-erbB-2 foram avaliadas por metodo semiquantitativo, classificando-se os cortes histologicos como positivos ou negativos. Se a porcentagem de celulas tumorais imunorreativas fosse maior ou igual a 25 por cento, as expressoes das proteinas para o gene DCC e c-erbB-2 eram consideradas positivas. A angiogenese foi avaliada pelo metodo quantitativo, contagem da microdensidade vasal em dez campos consectivos obtendo a media entre eles (172), para considerar os grupos hipovascular (menor que 172) e hipervascular (maior ou igual a 172). Os dados obtidos foram submetidos a analise estatistica. Resultados: Em 98 por cento dos doentes avaliados apresentavam a imunoexpressao da proteina do genes DCC positiva. A proteina c-erbB-2 (+) foi identificada em 21,7 por cento (18/83) dos doentes. Em relacao a contagem da microdensidade vasal tumoral (MDVT), 42,2 por cento (35/83) doentes pertenciam ao grupo hipervascular. Nao houve uma correlacao estatisticamente significante entre a presenca da proteina c¬erbB-2 e o tamanho do tumor (p=0,28), a infiltracao da parede gastrica (p=0,48) e o comprometimento linfonodal (p=0,08). Por outro lado, a correlacao entre a presenca da proteina c-erbB-2 e o grau histologico foi estatisticamente significante (p=0,03), sendo que quanto menor o grau histologico, maior a positividade da proteina c-erbB-2. Com relacao ao tempo de sobrevida, nos doentes que presentavam a imunoexpressao da proteina c-erbB-2 positiva, a sobrevida foi significantemente maior (p=0,015). Em relacao a MDV, nao houve associacao...(au)
Palavra-chave Neovascularização patológica
Genes DCC
Receptor ErbB-2
Neoplasias gástricas
Marcadores biológicos de tumor
Idioma Português
Data de publicação 2006
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2006. 88 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 88 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/23331

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta