Biometrias óptica e ultra-sônica: comparação dos métodos usados para o cálculo da lente intra-ocular acomodativa

Biometrias óptica e ultra-sônica: comparação dos métodos usados para o cálculo da lente intra-ocular acomodativa

Título alternativo Optical and ultrasound biometry: comparision between the two methods used for the calculation of accommodative intraocular lens
Autor Oliveira, Filipe de Autor UNIFESP Google Scholar
Muccioli, Cristina Autor UNIFESP Google Scholar
Lopes, Yara Cristina Autor UNIFESP Google Scholar
Soriano, Eduardo Sone Autor UNIFESP Google Scholar
Belfort, Rubens Junior Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: To compare reproducibility, level of agreement and correlation of two ultrasonic biometers and one optical biometer for the calculation of accommodative intraocular lens. METHODS: Cataract patients were submitted to the examination with 3 different biometers (IOLMaster, Axis II and Humphrey Mod. 820) before the implant of the C&C Vision AT-45 accommodative silicone intraocular lens. The Axis II biometer was used for both contact and immersion biometry. Axial length, anterior chamber depth and keratometry were the analyzed biometric parameters. RESULTS: Thirty-four patients from 53 to 90 years old (mean 70.6 y) were submitted to the examination with the three different biometers. The lowest mean axial length (23.12 mm) was obtained with the Axis II/contact and the highest (23.21 mm) with the Humphrey biometer. The lowest mean anterior chamber depth (2.97mm) was obtained with the Humphrey and the highest (3.10mm) with the IOLMaster. Reproducibility for axial length was high for all the biometers tested (coefficient of variation: 3.02% for Humphrey and Axis II / immersion; 3.07 % for Axis II/contact and 3.19% for IOLMaster). All biometers presented nearly equal results of the analyzed parameters (99.01% for axial length and 94.77% for anterior chamber depth). Pearson's coefficient showed a high correlation between the biometers, regarding the axial length and anterior chamber depth measurements. CONCLUSION: The devices used in this study showed excellent reproducibility and high level of agreement and of the axial length, anterior chamber depth and keratometry measurements, making it possible to reduce errors of intraocular lens calculation and visual insatisfaction after cataract surgery.

OBJETIVO: Comparar a precisão e reprodutibilidade de dois biômetros ultra-sônicos convencionais e um biômetro óptico para o cálculo da lente intra-ocular (LIO) acomodativa. MÉTODOS: Pacientes com catarata foram submetidos aos exames em 3 biômetros distintos (IOLMaster®, Axis II® e Humphrey Mod. 820®), antes da cirurgia para implantação da lente intra-ocular acomodativa de silicone (C&C Vision AT-45). No biômetro Humphrey Mod. 820 utilizou-se a técnica de contato e o Axis II foi usado para as técnicas de contato e imersão. O método de interferometria óptica foi realizado pelo IOLMaster. O comprimento axial (AL), profundidade da câmara anterior (ACD) e a ceratometria corneana (K) foram os parâmetros oculares analisados. RESULTADOS: Foram submetidos aos exames 34 pacientes com média de idade de 70,6 anos e idade variando entre 53 e 90 anos. A menor média do comprimento axial (23,12 mm), foi obtida no Axis II (contato) e maior (23,21 mm) no Humphrey Mod. 820 (contato). A maior média da profundidade da câmara anterior (3,10 mm) no IOLMaster e a menor (2,97 mm) no Humphrey Mod. 820 (contato). A reprodutibilidade para os dados de comprimento axial foi significativamente grande para todos os biômetros [3,02%, 3,07 % e 3,19% respectivamente para Humphrey Mod. 820 e Axis II (imersão), Axis II (contato) e IOLMaster]. Os biômetros foram extremamente concordantes nas medidas dos parâmetros analisados (99,01% e 94,77% respectivamente para o comprimento axial e ceratometria corneana). Os coeficientes de Pearson (r) demonstraram alta correlação entre os aparelhos nas medidas do comprimento axial e profundidade da câmara anterior. CONCLUSÃO: Os métodos do estudo para o cálculo da lente intra-ocular acomodativa, demonstraram que houve precisão e reprodutibilidade dos resultados, podendo evitar insatisfação visual do paciente no pós-operatório da cirurgia de catarata decorrente de erros no cálculo da lente intra-ocular.
Palavra-chave Biometry
Interferometry
Lens
Cataract
Reproducibility of results
Biometria
Interferometria
Cristalino
Catarata
Reprodutibilidade de resultados
Idioma Português
Data de publicação 2004-12-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 67, n. 6, p. 887-891, 2004.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo)
Publicador Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 887-891
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492004000600008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27492004000600008 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2329

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27492004000600008.pdf
Tamanho: 153.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta