Avaliação do perfil de expressão de microRNAs como marcadores prognósticos em tumores iniciais de laringe tratados com radioterapia exclusiva.

Avaliação do perfil de expressão de microRNAs como marcadores prognósticos em tumores iniciais de laringe tratados com radioterapia exclusiva.

Título alternativo Evaluation of the expression profile of microRNAs as prognostic markers in early laryngeal tumors treated with exclusive radiotherapy
Autor Maia, Danielle Calheiros Campelo Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Vettore, André Luiz Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Medicina (hematologia) – São Paulo
Resumo O cancer de laringe estagio clinico inicial apresenta indices de cura acima de 80% com radioterapia exclusiva. Entretanto, quando estes tumores recorrem, a cirurgia de resgate e a principal opcao de tratamento, sendo que cerca de 50% dos casos necessitarao de laringectomia total. A identificacao de marcadores que possam predizer as chances de sucesso com a radioterapia reduzindo as recaidas tumorais e reduzindo a necessidade de resgates cirurgicos que afetam a fonacao e impactam negativamente na qualidade de vida e de suma importancia para o tratamento destes pacientes. Neste cenario, o objetivo deste estudo foi identificar microRNAs que possam segregar tumores radiorresistentes dos radiossensiveis, prognosticar os tumores pre-tratamento e predizer falha ao tratamento radioterapico exclusivo para os carcinomas de celulas escamosas estadio clinico I e II primarios de laringe. Para isto, analisamos o perfil de expressao de 667 microRNAs utilizando-se o Taqman low density array (TLDA). Desta forma, cinco microRNAs foram selecionados (miR-296, miR-452, miR-183*, miR-16*, miR-200c) com base na diferenca de expressao e revisao de literatura para terem sua expressao avaliada em amostras de carcinoma de celulas escamosas de laringe em 34 pacientes, 20 radiorresistentes e 14 radiossensiveis, por qRT-PCR. O miR-296 apresentou uma distribuicao diferencial entre os grupos radiorresistente e radiossensivel estatisticamente significante (p=0,002), tendo associando-se com radiorresistencia (p= 0,01) com um odds-ratio de 8,556 e intervalo de confianca variando entre 1,7 e 42,2
Palavra-chave Humanos
Neoplasias Laríngeas
MicroRNAs
Radioterapia
Humanos
Idioma Português
Data de publicação 2013
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2013. 80 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 80 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/23130

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta