SIEPS – Sessões interativas em educação permanente em saúde: nova estratégia de ensino-aprendizagem problematizadora da realidade

SIEPS – Sessões interativas em educação permanente em saúde: nova estratégia de ensino-aprendizagem problematizadora da realidade

Título alternativo SIEPS – Sessões Interativas em Educação Permanente em uSaúde: new strategy for teaching and learning reality problematizing
Autor Pontes, Carlos Adriano Gazanego Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Sonzogno, Maria Cecilia Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Ensino em Ciências da Saúde – São Paulo
Resumo Objetivo: analisar uma ferramenta de Educacao Permanente em Saúde, denominada Sessoes Interativas em Educacao Permanente em Saúde u SIEPS, realizada em Unidades de Saúde da Familia da Faculdade de Medicina de Petropolis/Faculdade Arthur Sa Earp Neto (FMP/FASE) desde 2006. Metodologia: trata-se de uma pesquisa retrospectiva, quali-quantitativa, de analise de dados gerados por uma pesquisa realizada entre abril/2009 a marco/2010 pelo PET-Saúde, instituido na FMP/FASE e Secretaria Municipal de Saúde de Petropolis. Resultados: foram descritos os cenarios do processo de Educacao Permanente em Saúde (EPS) antes da implantacao das SIEPS nas Unidades de Saúde e apresentada a analise documental dos produtos do PET-Saúde envolvendo: o processo de transformacao dessa ferramenta de EPS; analise do grau de satisfacao e percepcao dos coordenadores da FMP/FASE e dos profissionais de Saúde das cinco unidades envolvidas em busca de dados que ratificaram e/ou incrementaram as atividades das SIEPS. Desde sua implantacao ate a formulacao atual, as SIEPS passaram por tres periodos de mudancas: a) sessoes interativas de Clinica Medica, em que se efetuava a supervisao de Clinica Medica dos residentes de Medicina de Familia e Comunidade lotados nas USF da FMP/FASE; b) o periodo de transicao com a participacao inicial de algumas categorias profissionais das Equipes de Saúde da Familia (ESF); estrutura atual quando sao inseridos todos os profissionais, especialistas convidados e estudantes de graduacao e Pós-graduação de Medicina, Enfermagem e Nutricao, que participaram ou deram suporte ao processo de trabalho das equipes locais. As SIEPS sao realizadas e orientadas de acordo com os principios de educacao permanente em Saúde, preconizados pelo Ministerio da Saúde, por meio da problematizacao de casos do cotidiano do trabalho, necessidades e demandas. As SIEPS foram reconhecidas por 82% dos profissionais lotados nas USF da FMP/FASE como uma ferramenta de EPS. O enfoque problematizador mobilizou, de forma significativa, os atores em seus processos de aprendizagem, estabelecendo-se movimentos de interesse, e motivacao do trabalho em grupo, traduzidos, no decorrer dessa experiencia, pelo respeito a opiniao dos profissionais envolvidos, a valorizacao do acolhimento e do cuidado, o aumento da resolutividade dos casos, o reconhecimento das necessidades de Saúde das pessoas, da comunidade e Gestão local, e, especialmente, na formacao etico-profissional. Conclusoes: O intuito das SIEPS nao e ser um modelo de replicacao de atividade de Educacao Permanente em Saúde, mas uma omola indutorao para construcao de novas estrategias de ensino-aprendizagem na Atencao Primaria em Saúde. A partir de sua implantacao, ha sete anos e buscando concretizar o trabalho na logica da interdisciplinaridade, as SIEPS vem passando por modificacoes progressivas, mostrando ser um modelo flexivel e aberto a mudancas de acordo com as necessidades sentidas por seus integrantes/participantes, em prol de consolidar-se como uma ferramenta de EPS.

Objective: To analyze a tool of Permanent Education in Health (PHE), called Interactive Sessions of Permanent Education in Health - SIEPS held in the Family Health Units of the Faculty of Medicine of Petrópolis / Faculty Arthur Sá Earp Neto (FMP / FASE) since 2006. Methodology: This is a retrospective study, qualitative and quantitative analysis of data generated by a survey carried out between April 2009 to March 2010 by PET-SAÚDE, instituted at FMP / FASE and Municipal Health Secretary of Petrópolis. Results were described showing scenarios of the process of PHE before implantation of SIEPS in Health Units and presented the documentary analysis of PET-SAÚDE products involving: the transformation of this PHE tool; analysis of the degree satisfaction and perception of the coordinators of the FMP / FASE and health professionals of the five units involved in the search for data that have ratified and / or activities of increasingly made SIEPS. Since its introduction to the current formulation, the SIEPS gone through three periods of change: a) Medical Clinic interative sessions, which was accomplished in the supervision of Medical Clinic of Family Medicine and Community residentes crowded in the FMP / FASE units; b) the transition period with the initial participation of certain professional categories of Family Health Teams; c) current structure when inserted all professionals, experts and invited undergraduate and postgraduate Medical, Nursing and Nutrition who participated or gave support to the work process of the local teams. The SIEPS are held and guided in accordance with the principles of permanent health education, established by the Ministry of Health, through the questioning of cases daily work, needs and demands. The SIEPS were recognized by 82% of professionals crowded in health units of FMP / FASE as a tool for PHE. Problem-solving approach mobilized significantly the actors in their learning processes, settling movements of interest, and motivation of group work, translated in the course of this experience, the respect for the opinion of the professionals involved, the appreciation of the host and care, the increase in successful treatment, recognition of the health needs of the people, the community and local government, and especially the ethical and professional training. Conclusions: The aim of SIEPS is not to be a model for replication activity of Continuing Education in Health, but a "spring-inducing" for construction of new teaching strategies and learning in Primary Health. From its introduction, there are seven years and seeking to realize the logic of interdisciplinary work in the SIEPS has undergone progressive modifications, proving to be a flexible and open to change according to the needs expressed by their members / participants, in favor of consolidating itself as a tool of PHE.
Palavra-chave Credenciamento
Desenvolvimento de Pessoal
Estratégia Saúde da Família
Aprendizagem Baseada em Problemas
Educação em Saúde
Idioma Português
Data de publicação 2013
Publicado em PONTES, Carlos Adriano Gazanego. SIEPS – Sessões interativas em educação permanente em saúde: nova estratégia de ensino-aprendizagem problematizadora da realidade. 2013. 92 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino em Ciências da Saúde) – Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo. São Paulo, 2013.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 92 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22915

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Tese-14109.pdf
Tamanho: 2.334MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta