Experimentando Goethe: o romance "Os Anos de Aprendizado de Wilhelm Meister" como desencadeador de reflexão e humanização numa cenário de formação humanística na área da saúde

Experimentando Goethe: o romance "Os Anos de Aprendizado de Wilhelm Meister" como desencadeador de reflexão e humanização numa cenário de formação humanística na área da saúde

Título alternativo Experimenting Goethe: The novel Wilhelm Meister's apprenticeship as a trigger for reflection and humanization in a background of humanistic formation in the health area
Autor Silva, Marlon Ribeiro Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Gallian, Dante Marcello Claramonte Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Saúde coletiva – São Paulo
Resumo Objetivo: Nessa pesquisa investigamos de que maneira a leitura e discussao do romance Os anos de aprendizado de Wilhelm Meister de Johann Wolfgang Von Goethe, no Laboratorio de Humanidades do Centro de Historia e Filosofia das Ciências da Saúde da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo, foi desencadeador de uma experiencia de formacao e humanizacao no ambito da educacao de profissionais da area da Saúde. Metodos: Para compreensao e analise dessa experiencia, partimos de abordagens de cunho metodologico qualitativo, a saber: a oObservacao Participanteo de acordo com o antropologo Clifford Geertz, a fim de perceber o impacto da leitura do romance e a oHistoria Oral de Vidao, em que procuramos perceber a experiencia pessoal de determinados participantes, e como tal atividade pode ser compreendida, de forma profunda, como desencadeadora de formacao e humanizacao. Resultados: Os resultados apontaram a metodologia do Laboratorio de Humanidades como principal responsavel pelo potencial de experiencia estetica da literatura, por proporcionar motivacao da leitura e experiencia compartilhada da literatura, a qual e inspirada pela relacao da mesma com a vida real. Esta experiencia resultou em ampliacao dos afetos, reflexao teorica sobre os conceitos de oformacaoo e ohumanizacaoo, alem de mudancas no agir profissional dos participantes. Conclusao: Com base numa reflexao teorica advinda da filosofia estetica do filosofo e dramaturgo alemao Friedrich Schiller e do filosofo Immanuel Kant, entendemos que os resultados verificados apontam que, o Laboratorio de Humanidades proporciona ao participante uma oeducacao esteticao, resultado da oeducacao do gostoo, que e viabilizada pela oexperiencia desinteressada da arteo. Desta forma, a metodologia do LabHum, compreendida com base nos conceitos citados, possibilita a formacao humanistica e a humanizacao do profissional de Saúde
Palavra-chave Humanos
Pessoal de Saúde
Ciências Humanas
Filosofia
Humanos
Idioma Português
Financiador Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Data de publicação 2013
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2013. 166 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 166 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22755

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta