Qualidade de vida, capacidade funcional e desvantagem vocal em pacientes submetidos a tratamento cirúrgico por neoplasias de cabeça e pescoço.

Qualidade de vida, capacidade funcional e desvantagem vocal em pacientes submetidos a tratamento cirúrgico por neoplasias de cabeça e pescoço.

Título alternativo Quality of life, performance status and voice handicap in patients submitted to surgery for head and neck neoplasms
Autor Toscano, Rafaela della Giacoma Prado Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Chiari, Brasília Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Distúrbios da Comunicação Humana (Fonoaudiologia) – São Paulo
Resumo avaliar a qualidade de vida, a capacidade funcional e o indice de desvantagem vocal de pacientes com carcinoma espinocelular de cavidade oral e de laringe submetidos a tratamento cirurgico, com aplicacao de questionarios de autoavaliacao da qualidade de vida. Metodo: estudo de coorte transversal,com participacao de 18 pacientes, faixa etaria acima de 40 anos, atendidos no Ambulatorio de Cirurgia de Cabeca e Pescoco de hospital universitario terciario, diagnosticados com carcinoma epidermoide de cavidade oral (61,6%) e de laringe (38,4%) submetidos a tratamento cirurgico. A qualidade de vida e voz autopercebida foi avaliada por meio da aplicacao dos questionarios EORTC QLQ-C30, EORTC QLQ-H&N35, PSS e IDV-10, em tres momentos distintos: Pre-OP, 30ºPO e 90ºPO. Resultados: Houve predominio do sexo masculino (72,2%), com idade media de 52,5 anos, habito para tabagismo (83,3%) e etilismo (77,8%). Predominio de neoplasias em estagio avancado (88,9%) e radioterapia (55,6%) e quimioterapia (44,4%) adjuvantes a cirurgia e necessidade de SNE (72,2%). Na comparacao Pre-OP x 30º PO, pacientes referiram alteracoes do grau de conforto para oalimentacao em publicoo, ointeligibilidade de falao, onormalidade da dietao, declinio da ocapacidade fisicao, odificuldades de sentidoo (olfato e paladar), odificuldades de falao e ouso de sonda nasoenteralo. Na comparacao Pre-OP x 90º PO, observou-se presenca de maior odesvantagem vocalo, odeclinio da capacidade de interacao socialo e operda de pesoo. Contudo houve manutencao das alteracoes quanto a piora do grau de conforto para onormalidade da dietao, ointeligibilidade de falao, odeclinio da capacidade fisicao, odificuldades de sentidoo (olfato e paladar) e ouso de sonda nasoenteralo. Conclusao: Pacientes com neoplasias de cavidade oral e laringe apresentam alteracoes significantes da qualidade de vida, capacidade funcional e desvantagem vocal nos primeiros 90 dias do pos-operatorio. Tais resultados permitem nortear a atuacao clinica medica e fonoaudiologica, sob o conhecimento dos aspectos que podem piorar a qualidade de vida e que devem ser enfatizados de forma precoce e preventiva, visando a melhora da qualidade de vida destes pacientes
Palavra-chave Neoplasias de Cabeça e Pescoço
Carcinoma de Células Escamosas
Neoplasias Bucais
Neoplasias Laríngeas
Qualidade de Vida
Voz
Idioma Português
Financiador Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Data de publicação 2013
Publicado em TOSCANO, Rafaela della Giacoma Prado. Qualidade de vida, capacidade funcional e desvantagem vocal em pacientes submetidos à tratamento cirúrgico por neoplasias de cabeça e pescoço. 2012. 91 f. Dissertação (Mestrado em Ciências) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo. São Paulo, 2013.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 91 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22728

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Tese-13918.pdf
Tamanho: 1.437MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta