Condições de Saúde bucal, fatores associados e impacto da Saúde bucal nas dimensões fisica e psicossocial dos adolescentes de Montes Claros, MG, Brasil

Condições de Saúde bucal, fatores associados e impacto da Saúde bucal nas dimensões fisica e psicossocial dos adolescentes de Montes Claros, MG, Brasil

Título alternativo Oral health conditions, associated factors, and impact of oral health on the physical and psychosocial dimensions of adolescents in Montes Claros, MG, Brazil
Autor Silveira, Marise Fagundes Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Marcopito, Luiz Francisco Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Os agravos na cavidade bucal podem provocar dor, desconforto, problemas na alimentacao, na comunicacao, na aparencia e, consequentemente, no convivio social e na autoestima, influenciando a Saúde geral e a qualidade de vida dos individuos acometidos. Na adolescencia, a carie dentaria, a maloclusao e as alteracoes periodontais tem apresentado prevalencias significativas, sendo os determinantes sociais da Saúde, como nivel socioeconomico, comportamento e cuidados com a cavidade bucal apontados como principais responsaveis. Estudos entre adolescentes possibilitam a deteccao precoce dos agravos a Saúde bucal, dando subsidios para a prevencao e tratamento, viabilizando uma populacao adulta mais saudavel. Objetivos: Este estudo transversal de base populacional (n=763), realizado em Montes Claros, MG, teve como objetivo investigar as condicoes de Saúde bucal relacionadas a carie dentaria, a condicao periodontal e as maloclusoes dos adolescentes de 15 e 19 anos, bem como identificar seus potenciais determinantes e estimar o impacto das condicoes de Saúde bucal nas dimensoes fisica e psicossocial. Metodos: Foi adotada a amostragem probabilistica por conglomerado em multiplos estagios. Profissionais treinados e calibrados realizaram a coleta dos dados por meio de exames intrabucais e entrevistas nos domicilios previamente selecionados. Os desfechos foram: presenca de carie, presenca de alteracao periodontal, gravidade da maloclusao e gravidade do impacto. As caracteristicas demograficas, condicoes socioeconomicas, comportamento relacionado a Saúde e condicoes subjetivas de Saúde bucal constituiram as variaveis independentes. Na analise dos fatores determinantes para a presenca de carie e de alteracao periodontal foram utilizados modelos de regressao logistica binaria hierarquizada e na analise dos fatores determinantes para a gravidade da maloclusao foi utilizado modelo de regressao logistica ordinal hierarquizada. Na analise dos fatores associados a gravidade do impacto das condicoes de Saúde bucal nas imensoes fisica e psicossocial foi utilizada a modelagem de equacoes estruturais. Resultados: Mais de um terco dos adolescentes apresentou carie nao tratada. As chances de carie foram maiores em adolescentes que autodeclararam negro/indio/pardo/amarelo, moravam em domicilios com maior aglomeracao, nao fizeram visitas regulares ou nunca foram ao dentista, utilizaram os servicos publicos ou filantropicos, possuiam habitos tabagistas, consumiam bebida alcoolica, autoperceberam negativamente sua Saúde bucal e sentiram dor nos dentes/gengivas nos ultimos seis meses. As alteracoes periodontais acometeram cerca de um terco da populacao investigada, sendo o sangramento gengival e o calculo dentario as mais prevalentes, e as bolsas periodontais raras. Observaram-se maiores chances de alteracoes periodontais entre adolescentes que nao estudavam ou que estudavam na rede publica, nunca foram ao dentista, utilizaram os servicos publicos ou filantropicos, fumavam, consumiam bebida alcoolica e autoperceberam negativamente sua Saúde bucal. Houve predominancia de adolescentes sem anormalidade ou com maloclusao leve. As chances de maior gravidade de maloclusao foram maiores entre adolescentes que autodeclararam negro/ ndio/pardo/amarelo, moravam em domicilios com maior aglomeracao, relataram habitos bucais deleterios, autoperceberam negativamente sua aparencia e autoperceberam o seu relacionamento afetado pela condicao bucal. O impacto da condicao bucal nas dimensoes fisica e psicossocial foi referido por um sexto da populacao em estudo. O numero de dentes com necessidade de tratamento dentario, o CPI e o numero de dentes restaurados foram as condicoes objetivas de Saúde bucal que apresentaram efeitos significativos sobre a gravidade do impacto. Conclusao: As condicoes objetivas de Saúde bucal dos adolescentes de Montes Claros sugerem a necessidade de incremento na assistencia a Saúde bucal desse estrato, considerando as particularidades do mesmo. Por outro lado, registraram-se melhores indicadores entre os adolescentes montesclarenses do que entre aqueles da regiao Sudeste brasileira. De forma geral, os modelos ajustados confirmaram a importancia dos determinantes sociais no processo Saúdedoenca de uma populacao, sugerindo que condicoes socioeconomicas desfavoraveis estao ignificantemente associadas a menor frequencia na utilizacao dos servicos dontologicos, que por sua vez estao associados as precarias condicoes de Saúde bucal, as quais se relacionaram a maior percepcao do impacto. Ressalta-se ainda a importancia de um olhar multidimensional na avaliacao da Saúde bucal de uma populacao. Alem dos parametros objetivos e adequado levar em consideracao as particularidades da populacao estudada, o meio no qual ela se insere, seus padroes e preocupacoes. Existe um numero significante de instrumentos validos e confiaveis, dentre eles o OHIP-14, capazes de captar aspectos subjetivos da Saúde bucal e seu impacto nas dimensoes funcional, social e psicologica
Palavra-chave Adolescente
Adulto Jovem
Cárie Dentária
Cárie Dentária/epidemiologia
Doenças Periodontais
Má Oclusão
Autoimagem
Saúde Bucal
Fatores Socioeconômicos
Inquéritos de Saúde Bucal
Adolescent
Young Adult
Dental Caries
Dental Caries/epidemiology
Periodontal Diseases
Malocclusion
Self Concept
Oral Health
Socioeconomic Factors
Dental Health Surveys
Idioma Português
Data de publicação 2013
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2013. 138 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 138 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22720

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta