Analise dos fatores de risco de desencadeamento da Sindrome de Burnout em obstetras

Analise dos fatores de risco de desencadeamento da Sindrome de Burnout em obstetras

Título alternativo Analysis of the trigerring risk factors of Burnout Syndrome in obstetricians
Autor Bortoletti, Fatima Ferreira Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O objetivo deste estudo foi identificar os fatores de risco de desencadeamento da Sindrome de Burnout em obstetras nas quatro dimensoes: a) Exaustao Emocional (EE); b) Desumanizacao (Des); c) Distanciamento Emocional (DEm); d) Realizacao Profissional (RP); considerando as Condicoes Organizacionais. Metodo: Foi realizado um estudo transversal quantitativo com 48 obstetras do Departamento de Obstetricia da UNIFESP. Utilizamos um questionario sociodemografico focando as atividades desenvolvidas (administrativas, didaticas, assistenciais, pesquisa). Foi aplicado o Inventario da Sindrome de Burnout ISB1 avaliando os fatores organizacionais preventivos (COP) ou desencadeadores (CON) e ISB2 avaliando as dimensoes da Sindrome: EE, Des, DEm e RP. Resultados: Registramos um indice abaixo da media em COP e acima da media em CON. Nas dimensoes registramos indices acima da media em Exaustao Emocional; no limite superior da media em Desumanizacao; mediano em Distanciamento Emocional; mediano em Realizacao Profissional. O estudo identificou como fatores desencadeantes inter-relacao pessoal, pressao do tempo, relacao com autoridade, condicoes de trabalho, ambiente de trabalho e desconforto no trabalho. Conclusao: Os sujeitos encontram-se numa zona de vulnerabilidade ao desenvolvimento da Sindrome de Burnout em funcao do alto indice de Exaustao Emocional e Desumanizacao, associado ao indice mediano de Realizacao Profissional, uma vez que este esta tendendo ao limite inferior da media. O alto indice de CON colabora para o desencadeamento desse panorama. Medidas devem ser tomadas para mininizar as CON e evitar queda no nivel de Realizacao Profissional, caracterizando a instalacao do Burnout. Os profissionais necessitam desenvolver recursos internos de enfrentamento e resiliencia
Palavra-chave Esgotamento Profissional
Estresse Psicológico
Fatores de Risco
Médicos
Médicos/psicologia
Idioma Português
Data de publicação 2012
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2012. 191 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 191 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22718

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta