Escala de comportamento dos pais durante a refeição: validação preliminar e associação com o consumo alimentar de escolares de São Paulo

Escala de comportamento dos pais durante a refeição: validação preliminar e associação com o consumo alimentar de escolares de São Paulo

Autor Silva, Maria Luiza Blanques Petty da Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Schimith, Maria Arlete Meil Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Nutrição – São Paulo
Resumo Os pais tem papel central na formacao dos habitos alimentares das criancas, portanto, conhecer seus comportamentos durante as refeicoes e identificar quais deles se associam positiva e negativamente com o consumo alimentar de seus filhos e extremamente importante. Objetivo: avaliar a estrutura fatorial e as caracteristicas psicometricas da versao em portugues da Parent Mealtime Action Scale (PMAS) e investigar associacoes entre o comportamento dos pais durante a refeicao e o consumo alimentar de escolares, controlando para potenciais variaveis de confusao. Metodos: estudo transversal realizado em 2011, a partir de amostra de conveniencia, composta por 582 pares de pais e filhos de 6 a 10 anos de idade, matriculados em escolas particulares de São Paulo (SP), Brasil. Os voluntarios esponderam um questionario estruturado contendo questoes sobre idade e sexo da crianca, nivel socioeconomico e caracteristicas das refeicoes em familia. O comportamento dos pais foi medido a partir da versao em portugues da PMAS, uma escala de 31 questoes, dividida em 9 dominios que abordam diferentes comportamentos. O consumo alimentar foi avaliado por meio de um questionario de frequencia alimentar. Para a validacao da escala foram realizados: testes de reprodutibilidade e convergencia, determinados por correlacao de Pearson, analise exploratoria por analise fatorial de componentes principais e confianca interna, calculada pelo alfa de Cronbach. Modelos de regressao linear multipla tipo stepwise foram realizados para avaliar a associacao entre o consumo de alimentos e os comportamentos dos pais. Resultados: a analise fatorial agrupou a maioria das questoes nos mesmos fatores da escala original. Os resultados de consistencia interna e reprodutibilidade foram satisfatorios. O consumo de frutas e hortalicas pelas criancas foi associado ao comportamento dos pais de consumir e disponibilizar esses alimentos com maior frequencia e de raramente oferecer aos filhos alimentos diferentes daqueles servidos para o restante da familia. O consumo de alimentos com alta densidade energetica associou-se com o comportamento dos pais de ser modelo de consumo desses alimentos e de raramente estabelecer limites para sua ingestao. Conclusoes: a versao da PMAS validada para o portugues parece ser um bom instrumento para avaliar a influencia do comportamento dos pais durante as refeicoes sobre o consumo alimentar dos seus filhos. Certos comportamentos dos pais se associaram positiva e negativamente com o consumo alimentar dos filhos
Palavra-chave Comportamento Alimentar
Hábitos Alimentares
Refeições
Pais
Relações Pais-Filho
Questionários
Consumo de Alimentos
Idioma Português
Financiador Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Data de publicação 2013
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2013. 88 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 88 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22685

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta