Insuficiência adrenal primária no adulto: 150 anos depois de Addison

Insuficiência adrenal primária no adulto: 150 anos depois de Addison

Título alternativo Primary adrenal insufficiency in adults: 150 years after Addison
Autor Silva, Regina do Carmo Autor UNIFESP Google Scholar
Castro, Margaret de Google Scholar
Kater, Claudio Elias Autor UNIFESP Google Scholar
Cunha, Andréa Aparecida Google Scholar
Moraes, Andréia M. de Google Scholar
Alvarenga, Daniela B. de Google Scholar
Moreira, Ayrton C. Google Scholar
Elias, Lucila L.k. Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade de São Paulo (USP)
Resumo Thomas Addison first described, 150 years ago, a clinical syndrome characterized by salt-wasting and skin hyperpigmentation, associated with a destruction of the adrenal gland. Even today, over a century after Addison's report, primary adrenal insufficiency can present as a life-threatening condition, since it frequently goes unrecognized in its early stages. In the 1850 s, tuberculous adrenalitis was present in the majority of patients, but nowadays, autoimmune Addison's disease is the most common cause of primary adrenal insufficiency. In the present report, we show the prevalence of different etiologies, clinical manifestations and laboratorial findings, including the adrenal cortex autoantibody, and 21-hydroxylase antibody in a Brazilian series of patients with primary adrenal insufficiency followed at Divisão de Endocrinologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) and at Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP (FMRP-USP).

Thomas Addison descreveu pela primeira vez, há 150 anos, uma síndrome clínica de perda de sal em indivíduos com hiperpigmentação cutânea, associada à destruição da glândula adrenal. Atualmente, a insuficiência adrenal ainda representa uma condição de risco, pois seu diagnóstico é freqüentemente não reconhecido nas fases iniciais da doença. A adrenalite tuberculosa era a causa mais freqüente na maioria dos casos descritos inicialmente, mas, na atualidade, a doença de Addison auto-imune está presente em uma grande porcentagem de pacientes com insuficiência adrenal primária. No presente trabalho, apresentamos a prevalência das diferentes causas, manifestações clínicas e achados laboratoriais, incluindo a determinação de anticorpos anticórtex adrenal e anti-21-hidroxilase em pacientes acompanhados com insuficiência adrenal primária seguidos nos Ambulatórios das Divisões de Endocrinologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) e da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP (FMRP-USP).
Palavra-chave Adrenal insufficiency
Addison's disease
Autoimmune adrenalitis
Anti-adrenal auto-antibodies
Anti-21-hydroxylase auto-antibodies
Tuberculosis
Insuficiência adrenal
Doença de Addison
Adrenalite autoimune
Anticorpos anti-adrenal
Anticorpos anti-21-hidroxilase
Tuberculose
Idioma Português
Data de publicação 2004-10-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia. Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, v. 48, n. 5, p. 724-738, 2004.
ISSN 0004-2730 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia
Extensão 724-738
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27302004000500019
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27302004000500019 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2257

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27302004000500019.pdf
Tamanho: 289.0KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta