Estudo da via de sinalização Wnt canônica e não canônica no carcinoma e na mucosa colorretal não neoplásica por imuno-histoquímica com tissue microarray (TMA)

Estudo da via de sinalização Wnt canônica e não canônica no carcinoma e na mucosa colorretal não neoplásica por imuno-histoquímica com tissue microarray (TMA)

Título alternativo Study of canonical Wnt signaling and non-canonical in colorectal carcinoma and non-neoplasic colonic tissue by imunohistochemistry with tissue microarray (TMA)
Autor Ramos, Rodrigo Felippe Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Waisberg, Jaques Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivos: Detectar as proteinas integrantes da via de sinalizacao Wnt canonica e nao canonica e verificar sua integridade no carcinoma colorretal e no epitelio colorretal nao neoplasico. Metodo: Foram estudados 64 doentes com carcinoma colorretal. Os tecidos de carcinoma colorretal foram representados por amostra da lesao e da mucosa adjacente nao neoplasica situada cranialmente a 10 cm da neoplasia. As amostras foram incluidas em blocos de TMA, e submetidas ao estudo imuno-histoquimico. Os anticorpos utilizados foram: Wnt-1, Wnt-2, Wnt-5a, Frizzled-1, Frizzled-5 e axina. A imunorreatividade foi analisada por metodo de contagem semi-quantitativa. Foram graduadas a positividade, a intensidade e o escore de imunoexpressao (produto da graduacao da positividade versus intensidade). Resultados: A imunoexpressao da proteina Wnt-2 foi significantemente menor (p = 0,05) no tecido tumoral colorretal do que na mucosa colorretal adjacente, enquanto que a imunoexpressao da proteina axina foi significantemente maior (p = 0, 03) no tecido tumoral em relacao a mucosa colorretal adjacente. Nao houve diferencas significantes na expressao das proteinas Wnt-1, Wnt-5a, Frizzled-1 e Frizzled-5 na mucosa colorretal adjacente nao neoplasica e no carcinoma colorretal. Conclusoes: A maior expressao da proteina Wnt-2 na mucosa colorretal adjacente nao neoplasica sugere a participacao do oncoprotogene Wnt-2 na fase inicial e/ou hiperproliferativa das alteracoes pre-neoplasicas da mucosa colorretal. O encontro de imunoexpressao aumentada da proteina axina no tecido do carcinoma colorretal em relacao a mucosa colorretal adjacente nao neoplasica pode indicar diminuicao da formacao do complexo destruidor da proteina β-catenina. A ausencia de expressao aumentada das proteinas da via Wnt nao canonica (Wnt-1, Wnt-5a, Frizzled-1 e Frizzled-5) sugerem que essa via nao esta ativada no carcinoma colorretal esporadico. Descritores: 1. Neoplasias colorretais. 2. Proteinas Wnt. 3. Receptores Frizzled. 4. Complexo de sinalizacao da axina. 5. Imunoistoquimica
Palavra-chave Neoplasias colorretais
Proteínas Wnt
Receptores Frizzled
Complexo de sinalização da axina
Imuno-histoquímica
Idioma Português
Data de publicação 2012
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2012. 59 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 59 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22529

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta