Infeccao grave apos o infarto agudo do miocardio

Infeccao grave apos o infarto agudo do miocardio

Título alternativo Serious infection following acute myocardial infarction: incidence, clinical features, and outcomes
Autor Truffa, Adriano Augusto Meirelles Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Introdução: Pouco se sabe sobre a incidencia, localizacao, organismos etiologicos e desfechos clinicos de pacientes com infeccao complicando o Infarto Agudo do Miocardio Com Supradesnivelamento do seguimento ST (IAMCSST) tratada com intervencao percutanea coronariana primaria (angioplastia). Objetivos: Utilizando uma populacao randomizada de 5,745 pacientes com IAMCSST tratados com angioplastia primaria, o presente trabalho teve como os principais objetivos: 1) descrever as caracteristicas clinicas da populacao de acordo com a presenca de infeccao seria; 2) descrever a incidencia e localizacao de infeccoes graves, assim como indentificar os seus organismos etiologicos; 3) descrever as complicacoes intra-hospitalares e avaliar a associacao entre infeccoes graves e morte ou morte / IAM em 90 dias.Metodo: Analisamos os dados de 5.745 pacientes do APEX-AMI trial com sindrome coronaria aguda com supradesnivelamento do segmento ST. Informacoes detalhadas sobre infeccao foram colhidas em todos os pacientes, o que nos permitiu descrever com maior precisao as caracteristicas dos mesmos sobre infeccao e seus detalhes, como localizacao e organismos especificos. Um modelo de risco proporcional de Cox foi usado para mostrar desfechos em 90 dias entre pacientes com e sem infeccao, depois de ajusta-lo para variaveis clinicas, usando a infeccao como covariavel dependente. Resultados: Dos 5.745 pacientes, 138 desenvolveram pelo menos uma infeccao seria (2,4%). Nesse caso, o organismo mais comum identificado foi Staphylococcus aureus e o sitio de infeccao mais comum foi a corrente sanguinea. Esses pacientes tiveram mais comorbidades e menor taxa de reperfusao miocardica apos angioplastia primaria, quando comparados com pacientes que nao desenvolveram infeccoes serias. Infeccao grave foi associada significativamente com altas taxas de 90-dias morte (HR ajustado 5.6; 95% CI 3.8-8.4) e morte ou infarto agudo do miocardio (HR ajustado 4.9; 95% CI 3.4-7.1). Conclusao: Infeccoes complicando pacientes de sindrome coronaria aguda com supradesnivelamento do segmento ST tratados com angioplastia primaria sao pouco frequentes, mas sao marcadamente associadas a piores desfechos clinicos em 90-dias. O organismo mais
Palavra-chave Humanos
Infecção
Infarto do Miocárdio
Angioplastia
Angiografia
Humanos
Idioma Português
Data de publicação 2012
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2012. 40 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 40 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22507

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta